Jairzinho critica Maurício Assumpção

Ídolo condena decisão de afastar jogadores que eram titulares

Por O Dia

Rio - Maurício Assumpção se despede da presidência do Botafogo sob críticas. O atual mandatário foi questionado agora por Jairzinho, ídolo do clube. O ex-craque participou da eleição presidencial, nesta terça-feira, em General Severiano, e não poupou o cartola ao falar sobre a fase do time em campo, com 99% de chances de ser rebaixado no Brasileiro.

"É um momento delicado. O Botafogo não deveria passar por isso. Mas, se você voltar ao início do campeonato, dava para perceber que o Botafogo era, de fato, um candidato para cair para a Segunda Divisão, principalmente pela má administração de um pessoa totalmente despreparada para ser presidente de um clube como o Botafogo, um presidente que pega quatro titulares (Bolívar, Edilson, Julio Cesar e Emerson Sheik) dentro de uma competição tão difícil como essa e manda embora sem ter peça de reposição. É algo estranho que ocorreu e está levando o Botafogo a esse sofrimento", discursou Jairzinho.

O ídolo do Botafogo apoia a chapa de Thiago Cesário Alvim: "É uma pessoa que respeito ao longo dos anos pelo amor, carinho e dedicação que tem pelo Botafogo. Merece meu voto de confiança pela pessoa e pelo grande empresário que é. Ele teve sucesso em tudo que comandou e tem capacidade para fazer o Botafogo ressurgir e voltar a ser o Botafogo que convivi ao longo dos anos e ajudei a ser um Botafogo fantástico."

A eleição no Botafogo vai até as 21h desta terça-feira. Carlos Eduardo Pereira (Chapa Ouro), Marcelo Guimarães (Chapa Cinza), Thiago Cesário Alvim (Chapa Azul) e Vinicius Assumpção (Chapa Alvinegra) disputam o cargo para o triênio de 2015/2016/2017.

* Reportagem de Rodrigo Hang