Sem renovação garantida, Marcelo Mattos afirma: 'Série B será um desafio'

Volante diz que deseja permanecer no Botafogo para 2015

Por O Dia

Rio - Aos 30 anos, Marcelo Mattos vive um sentimento dúbio no fim da temporada. Um dos mais abalados com o rebaixamento, o volante, ao mesmo tempo, cultiva dentro de si um misto de alívio e alegria por terminar o ano jogando depois de seis meses parado.
A lesão no quadril voltou a deixá-lo no estaleiro por muito tempo. Uma nova cirurgia foi feita e, por quatro vezes, ele tentou retomar as atividades, porém, teve que dar um passo para trás em razão do incômodo no local.

“Por ter voltado a jogar e estar treinando sem nenhuma limitação, sinto uma felicidade enorme. Sofri muito com esta lesão, que foi simples, mas me atrapalhou muito. Claro que não fico feliz por não ter podido ajudar mais, fica uma marca de tristeza no meu coração. Tentei dar o meu melhor. Se eu ficar, vou fazer tudo para que o Botafogo volte ao lugar dele, que é a Primeira Divisão, brigando por títulos”, afirmou Mattos.

Marcelo Mattos quer continuar no Botafogo em 2015Ernesto Carriço

Apesar de ter contrato até o meio de 2016, Marcelo não tem certeza se permanecerá no Alvinegro. Seu salário é um dos mais altos e a grande quantia que o clube lhe deve poderia facilitar uma saída para outro time da Série A.

A identificação com o Glorioso é muito grande e ele não tem problema em demonstrar. Na derrota para o Figueirense, pela 35ª rodada, o volante deixou o gramado de São Januário aos prantos, como se soubesse que ali o rebaixamento estava definido.

LEIA MAIS: Notícias, contratações e bastidores: confira o dia a dia do Botafogo

Caso a nova diretoria escolha manter Marcelo Mattos no elenco para a próxima temporada, ele garante que a motivação será tão grande quanto nas outras que ele defendeu a camisa alvinegra.

“A Série B será uma experiência nova, um grande desafio para a minha carreira. Se nós fôssemos campeões brasileiros, em janeiro, teríamos que seguir nossa vida. Infelizmente caímos, mas nossa vida vai continuar”, disse.

Homenagem a Marinho Chagas

Convidada para a disputa de um quadrangular que leva o nome de Marinho Chagas, em Natal, ainda neste mês, a nova diretoria estuda a possibilidade de mandar uma equipe para o torneio. Apesar do interesse pela questão financeira, o fato de os jogadores estarem de férias pode impedir a participação do Glorioso.
A competição será uma homenagem ao ex-jogador do Botafogo, que faleceu em junho.

No dia 25 de janeiro, o Alvinegro deve fazer um amistoso contra uma equipe asiática que estará em excursão pelo Rio. A partida servirá de preparação para a estreia no Carioca, 1º de fevereiro, contra o Boavista.