Sem acerto, Jefferson fica longe de renovar com o Botafogo

Clube não chega a acordo sobre dívida e goleiro vai ouvir outras propostas

Por O Dia

Rio - Uma reunião entre representantes de Jefferson e membros da diretoria deixou o goleiro mais longe do Botafogo. Embora a manutenção do camisa 1 seja prioridade do presidente Carlos Eduardo Pereira, não se chegou a uma conclusão sobre o acerto da dívida de R$ 2 milhões que o Alvinegro tem com o ídolo. O técnico Vagner Mancini e o gerente de futebol Wilson Gottardo foram dispensados.

Jefferson tem futuro indefinido no BotafogoDivulgação

Com mais um ano de contrato pela frente, Jefferson não se privará de ouvir propostas e já planeja o futuro longe de General Severiano. O goleiro condicionou ainda sua permanência à montagem de uma equipe competitiva. Os representantes deixaram a reunião preocupados com o futuro do jogador e do clube, que vai disputar a Série B.

LEIA MAIS: Notícias, contratações e bastidores: confira o dia a dia do Botafogo

Já a renovação com o zagueiro André Bahia ficou para segunda-feira. Quem pode retornar é o atacante Loco Abreu. Sem contrato com o Nacional, do Uruguai, e com salário considerado baixo, o jogador foi especulado no clube. O Botafogo se movimenta para trazê-lo de volta e o próprio Loco teria vontade de regressar ao clube.