Por edsel.britto
Rio - Apesar de não ser atacante, Tomas demonstra uma grande vocação ofensiva. O meia foi apresentado oficialmente nesta terça-feira no Botafogo, e chega credenciado pela boa campanha que teve com o Boa Esporte na Série B de 2014 quando marcou 15 gols e dividiu a vice-artilharia com Rodrigo Pimpão, agora seu companheiro de clube. 
"Sou meia de armação, que procura chegar à frente para finalizar e tento colocar meus companheiros na cara do gol. No Boa Esporte tive muita liberdade para chegar à frente, e isso fez muita diferença. Meu estilo é de chutar de fora da área, sempre que tiver oportunidade eu gosto de finalizar", afirmou.
Tomas foi apresentado oficialmente nesta terça-feira na sala de imprensa do EngnehãoDivulgação

Tomas chega ao Botafogo emprestado pelo J Malucelli, do Paraná, até o fim da temporada. O meia admitiu que recebeu propostas de outros clubes, inclusive de fora do país, mas afirmou que a decisão de assinar com o Alvinegro foi tomada em conjunto e com o incentivo de uma pessoa em especial.

Publicidade
"Conversei com a minha família, e tomamos a decisão de vir para o Botafogo. Tenho um tio botafoguense. O nome dele é Ronaldo e mora no Tocantins. Ele me falou para vir porque vou ajudar o time a voltar à Primeira Divisão", disse.
Tomas o meia Elvis já foram regularizados e estão relacionados para o jogo desta quarta-feira contra o Volta Redonda, às 19h30. Já o atacante Tássio e o lateral-direiro Luís Ricardo não tiveram seus nomes publicados no Bira da Ferj e ainda não poderão estrear com a camisa do Botafogo.