Jobson marca, Botafogo vence de virada e pula para liderança do Carioca

Alvinegro sai em desvantagem, mas demonstra raça no segundo tempo e conquista a vitória sobre o Nova Iguaçu

Por O Dia

Rio - O Botafogo conquistou neste sábado uma vitória suada e merecida por 2 a 1 sobre o Nova Iguaçu, no Estádio Nilton Santos, pelo Campeonato Carioca. Saindo em desvantagem no placar, o Alvinegro mostrou garra em sua volta ao segundo tempo, arrancando o resultado de  virada no duelo. Marlon marcou para a equipe da Baixada, Paulo Henrique fez contra e Jobson marcou, consagrando o triunfo alvinegro. 

Jobson surgiu para virar o jogo. Ele repetiu comemoração à la Cristiano RonaldoAlexandre Brum

Com 16 pontos, o Botafogo assume a liderança do Campeonato Carioca. Já o Nova Iguaçu ocupa o 15º lugar, com apenas 1. O Alvinegro volta a campo no próximo domingo, contra o Flamengo, às 16h, no Maracanã. E a equipe da Baixada Fluminense enfrenta o Madureira no sábado, às 15h30, no Conselheiro Galvão.

FOTOGALERIA: As imagens da vitória de virada do Botafogo sobre o Nova Iguaçu

O jogo

A partida no Nilton Santos começou movimentada. O Botafogo até chegava mais à área adversária, mas sem muito sucesso.

Logo aos 11 minutos, em jogada de contra-ataque de Dieguinho, o atacante Marlon recebeu e só teve tempo de empurrar para a rede, abrindo placar para o Nova Iguaçu.

LEIA MAIS: Notícias, contratações e bastidores: confira o dia a dia do Botafogo

Após o gol, o Alvinegro seguia em busca do empate, mas encontrava dificuldades na hora de finalizar. Jobson e Bill pareciam não se entender como de costume e o Glorioso sentia a desvantagem do placar.

Aos 30, confusão na área do Nova Iguaçu. No bate e rebate a bola sobrou para Bill, que chutou para o gol, mas foi impedido pela mão de Paulo Henrique e nada foi marcado. Porém, o camisa 9 do Botafogo estava impedido na hora da jogada e o juiz também nada marcou.

O Botafogo continuava a deperdiçar chances na partida. No fim da primeira etapa, Thiago Carleto mandou um foguete para o gol do Nova Iguaçu, mas Jefferson espalmou. O Glorioso seguia atacando mais até o momento no duelo.

Na volta ao intervalo, o Alvinegro mostrou pressão e, logo nos minutos iniciais, teve ótimas oportunidades, mas era travado pela defesa da equipe da Baixada Fluminense.

VEJA MAIS: Confira a tabela e classificação do Campeonato Carioca

O Botafogo seguia melhor no segundo tempo, na busca incansável por um gol, mas a equipe se desesperava e não conseguia finalizar com sucesso as jogadas. Até que aos 26 minutos, em cobrança de falta de Thiago Carleto, Paulo Henrique e marcou contra. Tudo igual no Nilton Santos.

Depois do gol de empate, o Glorioso cresceu na partida e mostrava que queria o segundo a qualquer custo. A confirmação veio aos 37, em bela jogada, que começou com Marcelo Mattos lançando na área, Bill mandando de bicicleta para Jobson, que cabeceou bonito para o gol. O camisa 7 mais uma vez comemorou à la Cristiano Ronaldo. 2 a 1 Fogão!

A superioridade alvinegra falou mais alto e a virada fez por merecer o segundo tempo do Botafogo no jogo. Por fim, festa da torcida alvinegra no Nilton Santos.   

BOTAFOGO 2X1 NOVA IGUAÇU

Estádio: Nilton Santos (RJ)
Árbitro: Rodrigo Carvalhaes
Público e renda: 10.885 pagantes/ 12.785 presentes / R$ 214.490,00
Gols: Marlon (Nova Iguaçu, aos 11' do 1ºT); Paulo Henrique (gol contra, aos 26' do 2ºT); Jobson (Botafogo, aos 37 do 2ºT)
Cartão amarelo: Roger Carvalho, Gilberto e Sassá (Botafogo); Rodrigo César, Jefferson (Nova Iguaçu)
Cartão vermelho: -

BOTAFOGO: Jefferson; Gilberto (Luis Ricardo, aos 27' do 2ºT), Roger Carvalho, Renan Fonseca e Thiago Carleto; Marcelo Mattos, Willian Arão, Fernandes (Gegê, aos 30' do 2ºT) e Tomas (Sassá, aos 13' do 2ºT); Jobson e Bill; Técnico: René Simões

NOVA IGUAÇU: Jefferson; Paulo Henrique, Rodrigo Almeida, Jorge Felipe e Cleyton; Rodrigo César (Vinicius Matheus, aos 11' do 2ºT), Luan, Dieguinho (Felipe, aos 32' do 2ºT) e Glauber (Sampaio, aos 28' do 2ºT); Wescley e Marlon; Técnico: Eduardo Allax