Menino com futebol de gente grande no Botafogo

Autor de um gol contra o Flu, Fernandes, cria de base, torna-se um trunfo alvinegro nas finais

Por O Dia

Rio - Com toque de bola refinado e futebol com pinta de veterano, o jovem Fernandes, 18 anos, saltou do anonimato para o time profissional do Botafogo neste início de ano e fez da sua polivalência no meio-campo arma muito elogiada pelo técnico René Simões. Aposta das divisões de base como volante, o agora meia fez seu primeiro gol em clássicos contra o Flu, no sábado, e não esconde o frio na barriga por disputar sua primeira decisão.

“Fico feliz por tudo estar dando certo. Trabalhei muito para chegar até aqui e tenho certeza de que ainda posso crescer bem mais. Mas é preciso estar sempre ligado para não deixar o ritmo cair. As oportunidades estão aparecendo e eu espero aproveitá-las”, disse o jogador, importante peça tática de René Simões. “É um jogador refinado, que joga como segundo homem ou como meia de ligação”, elogia o técnico.

Fernandes é um dos destaques da basa alvinegraErnesto Carriço

LEIA MAIS: Notícias, contratações e bastidores: confira o dia a dia do Botafogo

O garoto está há dez anos no clube e possui conquistas pelo sub-17 e sub-20 e dá sequência a uma linhagem recente de bons apoiadores revelados pelo clube — Gabriel e Jadson são alguns deles. O objetivo da comissão técnica é repetir o sucesso dos anos anteriores.

“Sempre me espelhei nos atletas formados pelo clube que deram certo no futebol. Gostava muito de ver o Gabriel jogar, por ser um cara profissional e dedicado ao que faz. Ganhar a confiança do René foi fundamental para que hoje eu possa jogar sem me intimidar”, garante o jovem jogador.

INSPIRAÇÃO EUROPEIA

A polivalência de Fernandes tem influência alemã: o apoiador é fã de Toni Kroos, do Real Madrid, e frisa que é importante jogar um futebol moderno. “Eu procuro me espelhar nos melhores para evoluir. E sempre aprendo muito vendo jogadores como o Kroos. No futebol moderno, não basta você ter um bom passe, uma boa visão de jogo. É preciso ser dinâmico. Quanto mais dinâmico você for, melhor”, disse o garoto.

DOIS REFORÇOS DEVEM PINTAR NO BOTAFOGO

A diretoria do Botafogo não se dá por satisfeita e já se movimenta para reforçar a equipe para a disputa da Série B. Diego Rosa, lateral do Volta Redonda, e Rafael Oliveira, atacante do Botafogo-PB, estão na mira e já iniciaram negociações.

“As conversas estão bem adiantadas e devemos fechar essas questões nos próximos dias. Estamos montando um bom elenco para a série B”, disse o vice Antônio Carlos Mantuano.
Em contrapartida, o zagueiro Dankler acertou sua transferência por empréstimo ao Joinville e Lucas Zen e Murilo também podem deixar o Alvinegro.