Por edsel.britto

Oeste - Mais uma vez na Série B Rodrigo Pimpão foi decisivo para o Botafogo. A estrela do camisa 7 brilhou de novo e ele marcou o gol da vitória do Alvinegro por 1 a 0 sobre o Oeste nesta terça-feira, em Osasco, pela 7ª rodada da Segunda Divisão. Foi o sexto triunfo da Estrela Solitária em sete jogos, garantindo a liderança da equipe e a invencibilidade na competição.

LEIA MAIS: Notícias, contratações e bastidores: confira o dia a dia do Botafogo

Com 19 pontos em 21 disputados, o Botafogo é o líder isolado da Série B com tranquilidade. Agora o Alvinegro só volta a campo daqui a 10 dias, no dia 19, para enfrentar o Boa Esporte, às 21h50, no Estádio Nilton Santos. Já o Oeste segue com sete pontos na tabela, está na 14ª colocação e pode entrar na zona de rebaixamento nesta rodada. A equipe de Itapólis enfrentará o Bragantino, no dia 20, às 21h, fora de casa.

Pimpão foi novamente decisivo%2C marcou o gol da vitória do Bota sobre o Oeste e chegou a quatro na Série BMarcos Bezerra/Futura Press

O JOGO

Defendendo sua invencibilidade na Série B e tentando manter a ponta, o Botafogo começou o jogo contra o Oeste como se estivesse jogando no Nilton Santos: No ataque e pressionando. O Alvinegro tentava trocar passes para envolver o adversário, mas esbarrava no gramado ruim para dar sequência nas jogadas. Porém, a primeira finalização do jogo veio pelos donos da casa, em falta cobrada por Junior Negão, mas por cima do gol de Renan.

Apesar do domínio na partida, a primeira chance clara de gol do Botafogo veio somente aos 22, com Bill, que cabeceou na trave após cruzamento de Pimpão. O primeiro tempo da partida foi fraco em chances de balançar as redes, mas foi rico em canetas, tanto pelo Alvinegro, quanto do Oeste.

A melhor chance do Oeste veio aos 40, em rápido contra-ataque armado por Mazinho, que serviu Waguinho para finalizar em cima de Renan. A primeira etapa em Osasco foi de poucas emoções em campo.

Ao contrário da primeira etapa, o segundo tempo começou mais animado e com o Oeste no ataque buscando o gol. Em duas jogadas seguidas, o time da casa chegou com perigo, na de mais perigo, Mazinho chutou para ótima defesa de Renan, e a bola ainda bateu na trave, antes do goleiro Alvinegro se recuperar e afastar o perigo.

Mais ativo no ataque, o Oeste era mais presente buscando o gol. Aos 19, novamente Junior Negão teve a chance de abrir o placar, mas jogou por cima. Aos 21, Pimpão teve a oportunidade e não desperdiçou. Após boa jogada de Luís Ricardo pela esquerda, o camisa 7 apareceu de carrinho na pequena área para empurrar pro gol e balançar as redes.

Com a vantagem no placar, o Botafogo passou a administrar o resultado e saia na boa nos contra-ataques. Aos 35, Sassá fez boa jogada individual dentro da área e chutou para ótima defesa de Leandro Santos, quase ampliando para o Alvinegro. O Oeste até esboçou uma pressão no fim do jogo, mas parou nas mãos seguras de Renan. Aos 46, Luís Ricardo ainda quase conseguiu fazer uma pintura e finalizou de longe, rente a trave, mas a sexta vitória e a invencibilidade do Botafogo na Série B já estavam garantidas.

FICHA TÉCNICA

OESTE 0x1 BOTAFOGO

Estádio: José Liberati
Público e Renda: 1.219 pagantes/ R$ 22.695,00
Árbitro: Rafael Traci (PR)
Gols: Rodrigo Pimpão (Botafogo, aos 21' do 2ºT)
Cartões Amarelo: Daniel Carvalho (Botafogo) e Fernandinho, Leandro Mello (Oeste)
Cartões Vermelho: -

OESTE: Leandro Santos, Douglas Marques, Halisson, Ligger, Wagninho; Dionísio (Paulo Henrique, aos 36' do 2ºT), Leadnro Mello, Wangler (Branquinho, intervalo) e Fernandinho; Mazinho (Betinho, aos 31' do 2ºT) e Junior Negão. Técnico: Roberto Cavalo.

BOTAFOGO: Renan, Gilberto, Renan Fonseca, Giaretta, Pedro Rosa; Marcelo Mattos (Roger Carvalho, aos 15' do 2ºT), William Arão, Daniel Carvalho (Sassá, aos 28' do 2ºT) e Elvis (Lulinha, aos 13' do 2ºT) ; Pimpão e Bill. Técnico: René Simões.


Você pode gostar