René Simões espera Rafael Oliveira mas já pensa em 'Plano B' com Luis Henrique

Jovem atacante pode virar titular caso o novo reforço não seja regularizado a tempo na CBF

Por O Dia

Luis Henrique é uma das apostas do BotafogoMárcio Mercante / Agência O Dia

Rio - Depois da saída de Bill, o Botafogo corre contra o tempo para regularizar o atacante Rafael Oliveira, que estava jogando no xará alvinegro da Paraíba. Caso não consiga colocar o novo reforço em condições de jogo, René Simões já tem um substituto: Luis Henrique. O jovem foi artilheiro da última Copa do Brasil sub-17 e é tratado como uma joia no clube. O treinador pediu paciência aos torcedores, caso ele jogue.

LEIA MAIS: Notícias, contratações e bastidores: confira o dia a dia do Botafogo

"Queria pedir à torcida, se o Luis Henrique jogar, paciência com ele. É patrimônio do clube. Tem muita possibilidade de evoluir. Tem que ter calma com ele. Ele não é o Bill. Ele precisa de suporte o tempo todo. Já o Rafael Oliveira é rodado, tem experiência", disse o treinador.

O Botafogo encara o Sampaio Corrêa, nesta sexta-feira, no estádio Nilton Santos (Engenhão). O departamento jurídico do Alvinegro tenta adiantar os documentos de Rafael Oliveira, com a CBF, para que ele tenha condições de entrar em campo.

"Rafael Oliveira brigou muito para voltar. Ele decidiu que queria jogar no Botafogo. Encaixa neste time. Jogador com sede, fome e pressa", comemorou René.

Na Série B, o Botafogo soma 20 pontos, em 9 jogos. O Alvinegro é vice-líder, com uma partida a menos, e reassume a ponta da tabela de classificação caso vença o Sampaio.