Ricardo Gomes destaca importância do jogo contra o Vitória: 'Será diferente'

Botafogo defende a liderança da Série B na Bahia

Por O Dia

Rio - Com três desfalques (Thiago Carleto, Daniel Carvalho e Neilton), Ricardo Gomes optou pelo mistério e não divulgou o time do Botafogo que enfrenta o Vitória, neste sábado, às 15h, no Barradão. Os problemas preocupam, mas não tiram a confiança do técnico para o duelo que vale a liderança da Série B.

Ricardo Gomes trata a atuação contra o Atlético-GO como parâmetro para o BotafogoDivulgação

"O Vitória é um grande clube e com um bom time. Será um jogo dificílimo e que valerá três pontos como os outros, mas que será diferente. Temos algumas mudanças e estou um pouco preocupado. O jogo contra o Atlético-GO serve como referência e temos de evoluir sempre", declarou Ricardo Gomes.

LEIA MAIS: Notícias, contratações e bastidores: confira o dia a dia do Botafogo

Na última rodada, o Botafogo recuperou a liderança da Série B. O trabalho de Ricardo Gomes já recebia críticas. Nada que abale o técnico.

"Não temos de dar resposta aos críticos e, sim, trabalhar bem. Sabemos que é um jogo importante contra um adversário direto. Contra o Atlético-GO tivemos um alívio e agora temos de ampliar a diferença na liderança, que por sinal é pequena. Temos de impor nossa técnica e as críticas não influenciam no meu trabalho. Cada um faz o seu", afirmou.

A maratona de jogos faz vítimas e atrapalha o Botafogo. Ricardo Gomes pensa em fazer rodízio no elenco.

"Por mais que seja bem planejado, o calendário atrapalha e não há profissional gabaritado que segure. Se não acontecer em dois jogos, no terceiro o jogador vai estourar fisicamente. O Botafogo conta com grandes profissionais e eu os escuto. Mas com esse calendário fica complicado e o número de lesões no Brasil só aumenta por conta disso. Temos de superar", encerra.