Botafogo trabalha para anunciar dois atacantes e um lateral nesta semana

Presidente mostra confiança em desfecho positivo

Por O Dia

Rio - A diretoria alvinegra deve anunciar nos próximos dias a contratação de três reforços para o Campeonato Carioca. A lista, guardada a sete chaves, conta com dois atacantes experientes do futebol sul-americano, além de um lateral-esquerdo que atua no Brasil.

Presidente do Botafogo%2C Carlos Eduardo Pereira mostra confiança em anunciar novidadesVitor Silva / SS Press / Botafogo

“Queremos dois atacantes experientes que possam dar mais peso à equipe. Um para jogar pelos lados do campo e outro para atuar como centroavante. Hoje, contamos apenas com o Neilton e o Luis Henrique, além dos garotos que subiram para o profissional, o que não é suficiente”, revelou o presidente Carlos Eduardo Pereira.

De acordo com o dirigente alvinegro, o Botafogo já apresentou as propostas aos clubes e está confiante em um desfecho positivo.

“Estamos perto de fechar, sendo que a contratação do lateral-esquerdo é a que está mais adiantada e pode ser concretizada nesta segunda-feira. As outras propostas já foram feitas aos clubes de origem. São jogadores que não foram especulados por vocês, são novidades”, adianta.

Já o atacante Jorge Ortega é praticamente carta fora do baralho alvinegro. O jogador esteve muito perto de fechar, mas também foi oferecido a vários clubes por empresários diferentes, o que desanimou o Botafogo.

“Recentemente, o Ortega passou a ser representado pelo empresário Eduardo Uram e foi novamente oferecido, mas o técnico Ricardo Gomes não se interessou. Ele pediu para não termos pressa e procurarmos mais”, afirmou o dirigente.

Uma das dificuldades enfrentadas pela diretoria é a forte concorrência.

“O mercado está muito competitivo. Descobriram o nosso caminho no mercado sul-americano e com isso os preços subiram muito. O atacante chileno Gustavo Canales, por exemplo, queria ganhar por ano mais de 750 mil dólares. Juntando os altos valores pedidos com os encargos trabalhistas acaba ficando inviável contratar”, lamentou o presidente.

Reunião define fornecedor

O Botafogo pode definir ainda nesta segunda-feira o novo fornecedor de material esportivo. Fila, Penalty e Topper estão na briga. O contrato com a Puma termina após o Carioca.

“Devemos definir até o fim do dia. Pedi para montarem uma planilha de custos e após a reunião do Conselho Diretor vamos escolher. Mas a Puma terá a última palavra, pois pode cobrir a oferta”, informou o presidente. Em relação ao Carioca, o dirigente confirmou que o jogo com a Portuguesa, dia 2 de fevereiro, será em São Januário.

“O clássico com o Vasco também será em São Januário. Já o jogo com o Fluminense pode ser lá ou em Juiz de Fora. A partir da quarta rodada esperamos jogar em Caio Martins, que passa por reformas”, ressalta.