Atrás de um camisa 9, Botafogo aposta na criatividade no mercado da bola

Clube conversa com dois ou três jogadores sul-americanos

Por O Dia

Espírito Santo - A grana é curta. Por isso, o Botafogo precisa ser criativo no mercado da bola. A solução tem sido investir no mercado sul-americano, o que deve ser repetir para encontrar um camisa 9.

Ricardo Gomes aguarda a chegada de um camisa 9Vitor Silva / SS Press / Botafogo

"O Botafogo tem de ter criatividade, porque grana não tem. Às vezes tem um bom nome, mas muitas vezes foge da nossa realidade financeira. Nome de peso não vem. Mas a torcida quer saber é de um bom atacante. Estamos falando com dois ou três jogadores sul-americanos", declarou o técnico Ricardo Gomes.

O técnico do Botafogo, no momento, tem apenas três opções para o ataque: Neilton, Luis Henrique e Ribamar, recém-promovido ao profissional. Sassá continua em recuperação de cirurgia no joelho esquerdo.