Sem CNDs, participação do Botafogo no Carioca corre risco; clube vai à Justiça

Glorioso entrou com pedido de liminar para conseguir estrear

Por O Dia

Rio - Após saldar uma dívida com o Kashima Antlers por conta da transferência de Fellype Gabriel, evidanto deste modo começar o Brasileirão de 2016 com seis pontos a menos, o Botafogo passar por outro problema envolvendo questões financeiras. A participação do Botafogo no Campeonato Carioca está sob risco. Isso porque o clube ainda não obteve as certidões negativas de débito (CNDs), que passaram a ser pré-requisito para a disputa de qualquer competição no Brasil desde que a MP do Futebol foi sancionada em agosto do ano passado. Com isso, o Alvinegro está momentaneamente impedido pela Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro (Ferj) de jogar o estadual.

Botafogo vive indefinição sobre a disputa do CariocaVitor Silva / SS Press / Botafogo

LEIA MAIS: Notícias, contratações e bastidores: confira o dia a dia do Botafogo

O clube, que estreia neste sábado no Carioca, já enviou toda documentação para receber a CND, mas alega que, por questões burocráticas e demora no sistema, não está com o documento em mãos e quer uma salva-guarda do TJD para não ser punido depois.

O Glorioso vai dar entrada nesta sexta-feira com um mandado de garantia no Tribunal de Justiça Desportiva do Rio buscando uma liminar que dê a segurança para atuar pelo Carioca mesmo sem a Certidão Negativa de Débito (CND), exigência do Profut. O pedido será analisado pelo presidente do tribunal, José Fernandes Teixeira, que deve responder ainda nesta sexta-feira.