Botafogo perde muitas chances, empata com o Figueira e permanece na degola

Glorioso e equipe catarinense não saem do zero nesta quarta

Por O Dia

Minas Gerais - O Botafogo foi senhor do jogo em Juiz de Fora contra o Figueirense. Apesar disso, o Glorioso perdeu muitas chances de gol e não saiu do zero diante da equipe catarinense em duelo pelo Campeonato Brasileiro. Com o resultado, o time carioca permanece na zona de rebaixamento da competição.

Na próxima rodada, o Glorioso encara o Internacional, no domingo, às 16 horas, no Beira-Rio. Já a equipe catarinense recebe o Coritiba, no Orlando Scarpelli, às 18h30.

Botafogo ficou no empate com o FigueirenseVitor Silva / SS Press

O JOGO

O duelo entre Botafogo e Figueirense em Juiz de Fora foi muito equilibrado. A primeira oportunidade foi do time catarinense aos seis minutos. Ermel tocou para Bady, que finalizou no meio do gol, testando o goleiro do Glorioso, Sidão. A equipe carioca respondeu dez minutos depois com Fernandes, que obrigou Gatito a salvar o time de Pernambuco.

A melhor oportunidade dos visitantes aconteceu aos 17 minutos, Dudu passou pela zaga alvinegra e finalizou para fora, frente a frente com o goleiro Sidão, perdendo grande chance de abrir o placar para o Figueirense. O clube carioca teve uma oportunidade com Luis Ricardo, mas o jogador acabou chutando para fora em boa condição.

Antes do fim do primeiro tempo, outras chances para os dois times. Ermel lançou Dudu, que finalizou para fora. O Botafogo respondeu com Neilton, que recebeu passe de Bruno Silva, mas caprichou pouco no chute e mandou para fora a sua oportunidade.

Com apenas um minutos do segundo tempo, o Botafogo teve outra grande oportunidade. Fernandes cobrou falta na área, Emerson se antecipou ao goleiro Gatito, que saiu mal do gol, e cabeceou tirando tinta da trave do time catarinense.

Buscando a vitória, o Botafogo fez duas mudanças. Luis Hernique e Otávio entraram nas vagas de Airton e Anderson Aquino. O Glorioso pressionou e quase marcou. Após levantamento, Emerson Silva cabeceou, mas Marquinhos Predoso salvou a equipe catarinense em cima da linha.

Otávio também teve uma boa chance. O jogador recebeu passe de Neilton e ficou em boas condições, obrigando o goleiro Gatito a fazer boa defesa, salvando o time catarinense. Logo depois, Renan Fonseca recebeu levantamento e cabeceou para fora, a bola passou perto da meta do Figueirense.

O Botafogo seguiu pressionando e abusando de jogadas aéreas, o Figueirense se defendeu bem e garantiu o empate contra a equipe carioca em Juiz de Fora.

FICHA TÉCNICA
BOTAFOGO 0 X 0 FIGUEIRENSE

Estádio: Mário Helênio, em Juiz de Fora (MG)
Data/hora: 22/6/2016 - 21h
Árbitro: Emerson de Almeida Ferreira (MG)
Auxiliares: Pablo Almeida da Costa (MG) e Marconi Helbert Vieira (MG).
Renda/público: 2.797 pagantes/R$ 71.040,00
Cartões amarelos: Ferrugem
Cartão vermelho: -

GOL: -

Botafogo: Sidão, Luis Ricardo, Renan Fonseca, Emerson Silva e Diogo Barbosa; Bruno Silva, Airton (Octavio, 15'/2ºT), Fernandes e Nuñez (Ribamar, 38'/2ºT); Neilton e Anderson Aquino (Luis Henrique, 13'/2ºT) - Técnico: Ricardo Gomes.

Figueirense: Gatito Fernandez, Ayrton, Marquinhos, Bruno Alves e Marquinhos Pedroso; Ferrugem (Jocinei, 21'/2ºT), Jackson Caucaia e Bady; Gustavo Ermel (Everton Santos, 9'/2ºT), Lins (Guilherme Queiroz, 35'/2ºT) e Dudu - Técnico: Vinícius Eutrópio.