Líder do Fogão, Carli se coloca à disposição de Bauza nas Eliminatórias

Zagueiro afirma que seria um sonho ser convocado e defender a camisa Argentina

Por O Dia

Rio - Um dos destaques na campanha do Botafogo no Brasileirão, Joel Carli namora a seleção argentina, que vive uma de suas piores crises técnicas, principalmente no setor defensivo. O zagueiro de 30 anos se colocou à disposição do técnico Edgardo Bauza para ajudar a equipe a conseguir a classificação para a Copa da Rússia de 2018.

As atuações seguras do zagueiro fizeram com que ele se firmasse e ganhasse a admiração da torcidaVitor Silva / SSPress / Botafogo

“Seria um sonho ser convocado. Quando se trabalha bem na equipe que integra, as possibilidades ficam maiores, mas eu sempre tenho os pés no chão. Se o Bauza me convocasse, pediria para ele fazer uma vídeo-chamada, porque, se não fizesse, eu não ia acreditar”, disse o capitão do Botafogo em entrevista ao jornal argentino ‘Olé’.

Carli chegou a General Severiano no início do ano, sob desconfiança e com fama de violento. No entanto, as atuações seguras, principalmente em duelos com atacantes renomados como Fred e Guerrero, fizeram com que ele se firmasse e ganhasse a admiração da torcida. O zagueiro ganhou até um apelido pela sua maneira de atuar.

“Fui muito bem recebido e me mostraram afeição desde o início. Me chamam de Xerife. No princípio, era um pouco cômico, mas faz parte do carinho dos torcedores e sou muito agradecido a eles”, afirmou o defensor.