Mesmo com derrota em clássico, Roger vê Botafogo confiante na Copa Libertadores

Glorioso tem novo desafio pela competição na próxima quarta-feira

Por O Dia

Rio - A derrota para o Flamengo no clássico do último domingo, pela Taça Guanabara (primeiro turno do Campeonato Carioca), não vai abalar a confiança do Botafogo às vésperas do confronto contra o Olimpia pela Copa Libertadores. É o que garante o atacante Roger, destaque do time na partida disputado no estádio do Engenhão, no Rio.

Para Roger, o time alvinegro ganhou confiança ao eliminar o Colo-Colo na semana passada. "O espírito de Libertadores foi provado dentro de campo, tanto aqui quanto lá. A experiência que trouxemos é a de jogar forte os 90 minutos. Sofremos um gol aqui e isso trouxe um pouco de insegurança. Agora é fazer um grande jogo do primeiro ao último minuto. É acreditar o tempo todo e pedir ao nosso torcedor que venha e que apoie".

Botafogo tem duelo pela LibertadoresSatiro Sodré/SSPress/Botafogo.

Depois dos dois jogos sofridos contra o Colo-Colo, o Botafogo fará o jogo de ida contra o Olimpia nesta quarta-feira, no Rio. O confronto é válido pela terceira e última fase preliminar da Libertadores, antes da disputa em grupos. "Desde o início da temporada o foco tem sido a Libertadores. No vestiário só se fala nisso. Estou feliz e, se tiver a oportunidade de iniciar o jogo, será ainda melhor. Estou mais leve, confiante", disse Roger, confiante após marcar o primeiro gol pelo Botafogo no clássico do fim de semana.

Na avaliação do atacante, o Botafogo tem boas chances de superar mais esta fase da Libertadores. "Temos um time forte, brigador e que não desiste. Isso agrega também com a qualidade de jogadores mais experientes. A cara é essa, um grupo brigador e que vende muito caro suas derrotas. Tem que ser um time copeiro, não tem outro jeito. Tem que ser malandro, no bom sentido. Temos grandes chances de avançar para a fase de grupos".

MUDANÇA DE NOME

Conhecido popularmente como Engenhão, o estádio Olímpico João Havelange agora mudou oficialmente de nome Nesta segunda-feira, o Diário Oficial do Município do Rio de Janeiro traz o decreto do prefeito Marcelo Crivella que determina que o local passa a ser chamado como estádio Olímpico Nilton Santos.

"Fica renominado o equipamento disposto no Decreto nº 23.057, de 26 de junho de 2003, de Estádio Olímpico João Havelange para Estádio Olímpico Nilton Santos", afirmou o decreto assinado na última sexta-feira e publicado nesta segunda.

Administrador do Engenhão desde que venceu uma licitação em 2007, o Botafogo já vinha utilizando o nome do seu ídolo para se referir ao estádio, inclusive pedindo aos seus torcedores que adotassem a homenagem ao lateral-esquerdo, bicampeão mundial pela seleção brasileira e que faleceu em novembro de 2013.

Além disso, em 2015, Eduardo Paes, então prefeito do Rio, homologou pedido do clube para que o nome fantasia do Engenhão passasse a ser Nilton Santos. Agora, porém, o nome do estádio mudou oficialmente, passando a homenagear o craque botafoguense e da seleção.