Com lesão no pé, Carli pode ser desfalque no Botafogo contra o Atlético Nacional

Zagueiro está correndo contra o tempo para entrar em campo na Liberta

Por O Dia

Rio - Uma fissura no pé direito pode deixar Carli fora do jogo com o Atlético Nacional (COL), dia 13, pela Libertadores. Desfalque nas últimas três rodadas da Taça Rio, o zagueiro levou a pior numa dividida no último clássico com o Fluminense, e, desde então, não treina com bola. Um novo exame confirmou a gravidade da lesão do argentino, que se recupera bem.

Carli desfalcou o time depois de sofrer a fissura no pé direito no clássico com o FluminenseReprodução Twitter

Carli não sente mais dores, mas o departamento médico não pretende queimar etapas para não prejudicar a calcificação da fissura. Com seis dias pela frente até o embarque para Medellín, o zagueiro corre contra o tempo para ficar à disposição.

MAIS UMA BAIXA

Fora da semifinal da Taça Rio, Carli terá Renan Fonseca como substituto pelo quarto jogo seguido. Caso seja vetado no dia 13, o técnico Jair Ventura terá outro problema, pois Renan não está inscrito na Libertadores. Marcelo, recuperado de uma lesão na coxa direita e afastado há três semanas, pode ser uma opção.

O zagueiro iniciou a transição para os treinos físicos na segunda-feira após três semanas afastado. A falta de ritmo preocupa a comissão técnica. Igor Rabello é o próximo na linha sucessória da zaga. Fora dos planos desde o impasse na renovação de seu contrato, Emerson Santos seria a última alternativa.

A lateral direita é outra dor de cabeça. Além de Luís Ricardo, em fase final de recuperação de uma cirurgia no tornozelo esquerdo, o treinador que já havia perdido Jonas, com uma lesão no joelho direito, viu a lista de baixas aumentar com Marcinho, que rompeu os ligamentos do joelho direito e ficará pelo menos seis meses afastado. Gilson, Lindoso ou Fernandes podem ser improvisados.