Clube estaria disposto a pagar R$ 11,5 milhões para tirar Gatito do Botafogo

Alvinegro é dono de 100% dos direitos econômicos do goleiro

Por O Dia

Rio - O suposto interesse do Napoli, da Itália, na contratação do goleiro Gatito Fernández não preocupa o presidente do Botafogo, Carlos Eduardo Pereira. Ele afirmou que o clube não recebeu qualquer tipo de sondagem pelo jogador de 29 anos, que, além de titular absoluto, caiu de vez nas graças dos torcedores.

Gatito tem nacionalidade italiana, o que pode facilitar a negociaçãoSatiro Sodré/SSPress/Botafogo

"Não tenho o menor interesse em negociar o melhor goleiro do Brasil no momento. Só posso comentar algum interesse quando chegar algo concreto ao clube, o que não aconteceu", disse Carlos Eduardo Pereira.

Domingo, após a derrota (1 a 0) para o Corinthians, no Itaquerão, pela 11ª rodada do Brasileiro, em mais uma atuação de gala de Gatito, o site 'Globoesporte.com' noticiou que o Napoli pretende oferecer US$ 3,5 milhões — cerca de R$ 11,5 milhões — para levar o goleiro, que tem cidadania italiana, o que poderia facilitar o negócio.

"Esse valor é muito baixo para, repito, aquele que é o melhor goleiro do Brasil em atividade no momento", decretou Carlos Eduardo Pereira, acrescentando que o Botafogo é dono de 100% dos direitos econômicos do jogador.