Demitido por telefone, Muricy Ramalho critica a diretoria do Santos

Técnico condena cultura de mandar técnico embora

Por O Dia

São Paulo - A passagem de Muricy Ramalho pelo Santos terminou com uma ligação. O técnico foi demitido, há três semanas, por telefone. Ele criticou a postura da diretoria do Peixe.

"Faltou experiência a eles (diretoria). Não me despedi das pessoas, da comissão técnica e dos funcionários. Estou no futebol há muitos anos e sei que se despedir pessoalmente é importante", disse Muricy à Bandsports.

Muricy adota cautela quando o assunto é o futuroDivulgação

O técnico também questinou a decisão da diretoria em demiti-lo. Muricy se apega ao retrospecto no Santos, pelo qual conquistou quatro títulos (Libertadores, Recopa e dois Paulistas), e condena a cultura do futebol brasileiro de sempre o treinador pagar a conta quando os resultados não aparecem.

"Fiquei dois anos no clube e fui campeão quatro vezes. Imagina esses números na Inglaterra? Em dois anos, seis finais. Eles me dariam um contrato de 10 anos. Aqui nós somos mandado embora. É assim mesmo. É pela emoção", encerrou o técnico.

Por enquanto, Muricy não planeja voltar a trabalhar. O técnico disse que recebeu algumas ofertas de clubes brasileiros, mas que deseja aproveitar o tempo livre para descansar.

Últimas de _legado_Brasileirao 2013