Por fabio.klotz

Rio - A briga carioca no Brasileiro é nos extremos da tabela. De um lado, o Botafogo continua a caça implacável ao Cruzeiro, líder da competição. Na rabeira, Fluminense, Flamengo e Vasco lutam contra o fantasma da zona do rebaixamento. A situação pior é a do Gigante da Colina, que caiu para a zona da degola.

Elias comemora um dos seus gols sobre o SantosEstadão Conteúdo / Luiz Fernando Menezes

A luta do Botafogo é pelo título. E o Glorioso dá cada vez mais sinais de que pode alcançar o Cruzeiro. No domingo, na Vila, o Fogão bateu o Santos e continua a perseguição à Raposa. O herói alvinegro desta vez foi o atacante Elias, autor dos dois gols. O Botafogo engatou a quarta vitória consecutiva e agora tem justamente o rival mineiro como próximo adversário: jogo com jeito de decisão.

O Fluminense foi o primeiro carioca a jogar na rodada. No sábado, o Fluzão entrou em campo com um uniforme novo, de cor laranja. Porém, o velho espírito de guerreiro foi notado no Maracanã. O Tricolor conseguiu virar sobre a Portuguesa e se distanciou da zona do rebaixamento.

Fluminense comemora o triunfo sobre a LusaMárcio Mercante / Agência O Dia

A zona da degola continua a perturbar o Flamengo. O Rubro-Negro não se livra da irregularidade. Neste domingo, no Moisés Lucarelli, o time voltou a apresentar erros no setor de criação. Com um jogador a menos a maior parte do segundo tempo, o Fla foi buscar o empate com a Ponte Preta. O resultado deixa o clube próximo do Z-4.

André Santos garantiu o empate ao Flamengo em CampinasRodrigo Villalba / Estadão Conteúdo

E quem amarga o inferno da zona da degola é o Vasco. O Gigante caiu para o São Paulo em São Januário e agora está na 17ª posição do Brasileiro. O jogo ainda teve tumulto nas arquibancadas. O ex-presidente Eurico Miranda foi hostilizado por torcedores. Um segurança do dirigente chegou a sacar arma.

Juninho não evitou tropeço do VascoMárcio Mercante / Agência O Dia

Jogar em casa não foi uma boa nesta rodada do Brasileiro. Apenas três mandantes venceram, entre eles o líder Cruzeiro, que bateu o Atlético-PR e engatou a sétima vitória consecutiva no Brasileirão. Além do Flu, o Vitória também venceu em seus domínios e bateu o lanterna Náutico.

Nilton foi o herói da sétima vitória seguida do CruzeiroDivulgação

Cinco visitantes foram indigestos. Além de Botafogo e São Paulo, o Goiás aprontou para cima do Corinthians no Pacaembu. Após a ressaca do título da Libertadores, o Atlético-MG despertou de vez e engatou o segundo triunfo seguido. A vítima da vez foi o Grêmio, derrotado em sua arena e no dia de festa pelo seu 110º aniversário. Outro a vencer fora de casa foi o Internacional, que bateu o Criciúma.

O Coritiba viu o Bahia abrir 2 a 0 no Couto Pereira, mas reagiu e buscou o empate. Destaque para o golaço de Alex, de bicicleta.

Você pode gostar