Atlético-MG vira contra o Cruzeiro e Levir Culpi espanta crise no Galo

André e Marion salvaram o Galo de mais um resultado negativo

Por O Dia

Minas Gerais - No clássico mineiro, Cruzeiro e Atlético-MG se enfrentaram neste domingo, no estádio Independência, pela quarta rodada do Campeonato Brasileiro. O Galo venceu a Raposa por 2 a 1. O destaque do jogo foi o jogo coletivo dos jogadores alvinegros, que saíram perdendo e conseguiram a virada.

Com as arquibancadas do Independência abrigando apenas torcedores do Atlético-MG, o Cruzeiro mandou o seu time B para campo. Os titulares foram poupados para o jogo decisivo de quarta-feira, contra o San Lorenzo, pela Libertadores.

Convocado para defender o Brasil na Copa do Mundo, o goleiro Victor fazia um duelo particular com Fábio, capitão do Cruzeiro, que foi o único titular da Raposa utilizado na partida.

Essa foi a primeira vitória do Atlético-MG, no Brasileirão, que chegou aos quatro pontos, ocupando a décima quarta colocação. Já o Cruzeiro parou nos sete pontos, dentro do G4, em quarto lugar.

Na próxima rodada, o Cruzeiro enfrenta o Coritiba, no sábado, no Mineirão, às 18h30. No domingo, o Atlético-MG encara o Santos, na Arena Pantanal, no mesmo horário do rival.

O JOGO

O jogo começou agitado, com o Atlético-MG assustando com Fernandinho, logo aos oito minutos. Mas quem balançou as redes primeiro foi o Cruzeiro, que explorou o contra-ataque desde o começo da partida.

Goleiro Victor venceu o confronto contra FábioEfe

Aos 37 minutos do primeiro tempo, Souza recebeu passe de Marcelo Moreno, avançou com a bola e bateu cruzado. O goleiro Victor se esticou no canto para espalmar, mas Marcelo Moreno acompanhou a jogada de perto e só teve o trabalho de empurrar para o gol, 1 a 0.

Na segunda etapa, Levir Culpi colocou Marion e Carlos em campo. A mudança deu certo. Aos nove minutos Marion pegou a sobra de Mayke e empatou a partida, 1 a 1.

A virada do Galo veio de pênalti. Léo puxou Leonardo Silva na área e o árbitro marcou. Na batida, Fábio pulou para a esquerda e André jogou no meio do gol para definir o placar, 2 a 1 Atlético-MG.

Aos 30 minutos, o jogo ficou mais fácil para o Galo com Luan recebemdo um cartão vermelho. O jogador do Cruzeiro deu uma cotovelada em Leandro Donizete. Outro cruzeirense expulso foi Marcelo Moreno, que viu o seu cartão com o jogo já terminado, ao reclamar com o árbitro.