Por pedro.logato

Rio - O dia de segunda amanheceu colorido no céu dos vascaínos, apesar da segunda-feira nublada no Rio. A vitória sobre o Flamengo, domingo, rendeu aos cruzmaltinos um dia de gozação. No Largo da Carioca, o assunto era a ‘freguesia’ imposta ao Rubro-Negro. Afinal, em seis jogos contra o maior rival, em 2015, o Vasco venceu quatro e empatou um.

Zoação dos torcedores do Vasco com os torcedores do Flamengo Daniel Castelo Branco / Ag. O Dia

“O Flamengo virou freguês de caderno este ano’, brincou o vascaíno Carlos Alberto Régis, de 70 anos. Mazinho Tavares, de 29, lamenta apenas não ter enfrentado mais vezes o arquirrival.

“É uma pena não ter mais uns seis jogos contra o Flamengo, a gente terminaria o campeonato melhor’, garantiu o torcedor, que mandou um recado para os rubro-negros:

“Quem é Flamengo pode ficar feliz, porque não vai mais enfrentar o Vasco este ano.”

A vitória, além de garantir a zoação da segunda-feira, aqueceu a esperança do Vasco na luta contra o rebaixamento. “A reação já começou”, garantiu Luiz Guilherme Ferreira, 21.

Para o Flamengo, o G-4 ainda é realidade, mas alguns torcedores estão desacreditados. “Não dá mais, estou desiludido”, admitiu o aposentado Jucélio Barreto. Sobrou até para o astro Guerrero: ‘Está igual ao Ronaldinho, cansado.’

Você pode gostar