Vasco se complica na matemática da bola; Dupla Fla-Flu entra de 'férias'

Risco de queda do Gigante da Colina sobe para 96%

Por fabio.klotz

Rio - O Vasco se complicou ainda mais na luta contra a degola. A derrota para o Fluminense, no Engenhão, fez o risco de queda subir para 96%, de acordo com o site "Infobola", do matemático Tristão Garcia. A última projeção apontava 89%.

Vasco tem 96% de risco de queda para a Série BAndré Mourão / Agência O Dia

O Gigante da Colina continua na lanterna do Brasileiro, com 30 pontos, agora cinco a menos do que o Avaí, primeiro time fora do Z-4. A cinco rodadas do fim do torneio, o drama vascaíno só aumenta.

Flamengo e Fluminense estão de "férias". Neste momento, a dupla aparece sem chance de Libertadores e sem risco de queda, nas contas de Tristão Garcia. A distância rubro-negra para o G-4 aumentou para nove pontos. Já o Flu está a dez do Santos, quarto colocado.

O título do Corinthians é questão de tempo. O Timão abriu 11 pontos de frente, aumentando para 99% as chances de ser campeão, aponta a matemática da bola. O clube paulista, inclusive, pode garantir a conquista já na próxima rodada: basta vencer e torcer por um tropeço do Atlético-MG.

Enquanto a "questão" título está encaminhada, a briga pelo G-4 e para fugir da degola pega fogo.

Confira as chances do seu time

PosiçãoTimePontosChances de títuloChances de LibertadoresRisco de queda
Corinthians7399%Já garantiu vaga-
Atlético-MG62-99%-
Grêmio59-97%-
Santos53-44%-
São Paulo53-30%-
Internacional50-11%-
Ponte Preta50-8%-
Sport49-4%-
Palmeiras48-6%-
10ºCruzeiro45-1%-
11ºFlamengo44---
12ºFluminense43---
13ºAtlético-PR43---
14ºChapecoense40--4%
15ºFigueirense36--28%
16ºAvaí35--52%
17ºGoiás34--58%
18ºCoritiba34--70%
19ºJoinville30--92%
20ºVasco30--96%
Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia