Em clássico de viradas, Nenê dá vitória ao Vasco contra o Fluminense na Colina

Gigante levou a melhor sobre o Tricolor em confronto neste sábado

Por O Dia

Rio - Em uma partida com muitas alternativas e com duas viradas, o Vasco derrotou o Fluminense por 3 a 2 em duelo realizado pela terceira rodada do Campeonato Brasileiro. Nenê saiu do banco de reservas e foi decisivo para o time carioca.

CONFIRA A TABELA E CLASSIFICAÇÃO DO CAMPEONATO BRASILEIRO

Além do camisa 10, Luis Fabiano e Manga fizeram os gols dos donos da casa. Henrique Dourado, com dois gols de pênalti, marcaram os gols do Fluminense na Colina.

Na próxima rodada, o Vasco enfrenta o Grêmio, no domingo, em Porto Alegre. Já o Fluminense recebe o Vitória, no sábado, no Maracanã.

Vasco derrotou o Fluminense por 3 a 2Márcio Mercante / Agência O Dia

O JOGO

O primeiro tempo entre Vasco e Fluminense foi bastante disputado e com poucas chances de gol. Jogando em casa, a equipe da Colina começou mais presente no campo de ataque, saiu na frente do placar, mas perto do intervalo acabou cedendo muito espaço para o clube das Laranjeiras, que quase empatou.

O gol do Vasco foi marcado aos 25 minutos. Yago Pikachu fez cruzamento para a área e Luis Fabiano subiu livre para cabecear e abrir o placar para a equipe de São Januário no clássico.

FOTOGALERIA: De virada, Vasco vence clássico contra o Fluminense

Após o gol, o Fluminense melhorou e teve mais oportunidades. A melhor chance aconteceu aos 39 minutos. Após cruzamento de Scarpa, Nogueira subiu e cabeceou na trave do goleiro Martín Silva.

Torcida do Vasco faz festa em São JanuárioMárcio Mercante / Agência O Dia

O Tricolor voltou para o segundo tempo buscando o empate e conseguiu em um lance de falha individual do Vasco. Henrique Dourado tentou passe e a bola bateu na mão de Jean. Na cobrança, o Ceifador deixou tudo igual.

E a virada tricolor veio em outro lance de penalidade. Wendel chutou, Martín Silva largou, a bola sobrou para Richarlison, que foi derrubado por Gilberto. Novo pênalti, nova cobrança perfeita de Henrique Dourado.

Após o segundo gol do Fluminense, Milton Mendes colocou o Manga em campo. Aos 29 minutos, brilhou a estrela do treinador vascaíno. O jogador recebeu em boas condições, cortou a zaga tricolor e finalizou sem chances de defesa para Cavalieri.

A partida parecia caminha para o empate, só que no fim da partida, outro jogador que havia entrado no segundo tempo teve a sua vez de ser decisivo. Nenê aproveitou um drible longo de Manga e finalizou sem chances de defesa para Cavalieri, dando a vitória para o Gigante da Colina.

FICHA TÉCNICA
VASCO-RJ 3 X 2 FLUMINENSE-RJ

Local: São Januário, no Rio de Janeiro (RJ)
Árbitro: Raphael Claus (Fifa-SP)
Assistentes: Alex Ang Ribeiro (SP) e Tatiane Sacilotti dos Santos Camargo (Fifa-SP)
Renda: R$ 700.560,00
Público: 19.082 pagantes
Cartões amarelos: Luís Fabiano e Jean (Vasco); Douglas e Marquinho (Fluminense)

GOLS: VASCO: Luís Fabiano, aos 26min do primeiro tempo; Manga Escobar, aos 29min segundo tempo / FLUMINENSE: Henrique Dourado, aos 11 e 18min do segundo tempo

VASCO: Martín Silva, Gilberto, Breno, Paulão e Henrique; Jean, Douglas, Yago Pikachu (Nenê), Mateus Vital (Muriqui) e Kelvin (Manga Escobar); Luis Fabiano
Técnico: Milton Mendes

FLUMINENSE: Diego Cavalieri, Lucas, Nogueira, Henrique e Léo; Jefferson Orejuela, Wendel, Douglas (Marcos Júnior), e Gustavo Scarpa (Marquinho); Richarlison (Maranhão) e Henrique Dourado
Técnico: Abel Braga