Ex-jogador do Fluminense é afastado do elenco do São Paulo por 'razões internas'

Atleta vai treinar separadamente até que surja algum clube interessado

Por O Dia

São Paulo - O meia Cícero está fora dos planos do São Paulo. Uma decisão conjunta da diretoria e comissão técnica definiu que o jogador de 32 anos vai treinar separadamente do elenco até que surja algum clube interessado. De acordo com a assessoria do clube, "razões internas" explicam o afastamento do jogador.

Cícero está fora do São PauloDivulgação

A decisão foi tomada na noite desta terça-feira e comunicada ao atleta. Nesta quarta-feira, o meia já não treinou com o time principal. Cícero já atuou em dez jogos do Campeonato Brasileiro, o que impede sua transferência para clubes da Série A. Ele deverá treinar juntamente com o zagueiro Lucão, que também foi afastado e aguarda transferência.

Cícero era reserva e não teve oportunidades com Dorival Júnior. Ele perdeu a posição de titular ainda com Rogério Ceni, após a derrota para o Atlético-PR, por 1 a 0, em confronto no dia 21 de junho, em Curitiba, pela nona rodada do Brasileirão.

Um pouco antes, em maio, Cícero se envolveu em uma questão polêmica. O jogador admitiu que havia sido atingido involuntariamente por um objeto chutado pelo técnico Rogério Ceni, no vestiário do Morumbi, durante o clássico contra o Corinthians, pelas semifinais do Paulistão, no mês passado. Na ocasião, Cícero se mostrou revoltado com o vazamento de informações e afirmou que sentia o "grupo unido". 

Nesta sua segunda passagem pelo clube, realizou 32 jogos, com quatro gols e uma assistência. Na primeira passagem, foi titular com Emerson Leão, mas perdeu espaço com o técnico Ney Franco. Essa trajetória inicial pelo clube foi decisiva para ganhar a admiração do então goleiro Rogério Ceni, responsável por trazê-lo de volta ao São Paulo quando comandou o time durante o primeiro semestre deste ano.

Em 2013, após se transferir para o Santos, chegou a ofuscar o argentino Montillo, contratação mais cara da história do clube. Fez três gols nas quatro primeiras partidas e mostrou ótimo entrosamento com Neymar. Com a saída de Neymar para o Barcelona, o meia foi destaque no Campeonato Brasileiro de 2013, marcando 14 gols. No ano seguinte, Cícero foi o craque do Estadual.