Briga entre torcedores do Flamengo e Vasco deixa dois baleados e 77 detidos

Caso mais grave aconteceu na cidade de São Gonçalo, onde não há escolta da polícia às torcidas

Por O Dia

Rio - Assim como aconteceu no primeiro turno, o clássico teve confusão de torcida. Só que desta vez longe do estádio. Com brigas na Avenida Brasil (altura de Irajá), Niterói e São Gonçalo, o saldo final foi de dois feridos a tiro e 77 pessoas detidas.

Confusão entre torcedores no Jardim AméricaReprodução/Internet

O caso mais grave aconteceu em São Gonçalo, onde não há escolta da polícia às torcidas. Na briga, houve corre-corre e tiros, que acertaram duas pessoas. Até o fim da noite, não havia informações sobre o estado de saúde dos feridos.

Já os 77 detidos pela PM, sendo seis menores de idade, são integrantes da Força Jovem do Vasco. Eles estavam na sede da organizada, em São Cristóvão, a 2km de distância do Maracanã. Só que a facção está proibida de frequentar estádios e não pode ficar a menos de 5km de distância nos dias de jogos.

Além disso, os integrantes foram flagrados pelo Grupamento Especial de Policiamento em Estádios (Gepe) portando fogos de artificio, soco-inglês, bastão de madeira, protetor bucal e até uma faca, preparando-se para atacar torcedores rivais.