Por fabio.klotz

Rio - No retorno das "folias do Rei Momo", o Vasco apresentou uma novidade na sua Comissão de Frente. O garoto Thalles, que disputou o Sul-Americano Sub-20, foi escalado como titular do Gigante. Porém, o Gigante "atravessou o samba" na Colina e acabou tropeçando em casa contra o Barra Mansa, empatando por 1 a 1.

O Vasco volta aos gramados no próximo do domingo. O adversário da equipe será o Fluminense, no primeiro clássico do Estadual, que será disputado às 18h30, no Engenhão. Já o Barra Mansa recebe o Resende, no mesmo dia, só que às 19h30.

O JOGO

O Gigante começou o seu desfile em São Januário em uma cadência muito lenta. Sem vibração, a equipe da casa não evoluía bem e permita até alguns sustos do Barra Mansa. A primeira vez que o Vasco fez a sua torcida se animar foi aos 24 minutos, quando Marcinho cortou para o meio e obrigou o goleiro Thiago Leal a fazer boa defesa.

O lance não acordou o clube que permaneceu bem devagar, sem emocionar e aquecer a sua "bateria". Antes do intervalo, Thalles abriu o placar, depois de cruzamento de Bernardo. Porém, a bola foi para fora e a equipe da capital foi para o "recuo" sem alterar o panorama.

Com 45 minutos para completar o seu desfile, o Vasco voltou para o segundo tempo em ritmo mais acelerado. Com menos de seis minutos, Thalles teve duas boas chances de gol. Na primeira ele não alcançou o cruzamento e na segunda o atacante finalizou forte, mas Thiago Leal fez bela defesa.

Foto: Uanderson FernandesSó que a pressa prejudicou a evolução do Gigante que foi penalizado. Erick Foca tocou para Vitinho, que finalizou belissimamente, sem chances de defesa para o goleiro Martin Silva. O samba cruzmaltino começava a atravessar na Colina.

O gol prejuficou completamente o Vasco, que passou a demonstrar mais ainda o seu nervosismo. Com pouco tempo para se acertar, o clube de São Januário seguiu sem agradar. No fim ainda conseguiu o empate, Rafael Silva desviou cruzamento de Bernardo.

O apoiador ainda se envolveu em uma briga com André Duarte e acabaram os dois expulsos. O Vasco seguiu na pressão nos últimos minutos. Porém, o desfile terminou e o Gigante ficou longe de uma "Nota 10".



Você pode gostar