Ferj veta ofício de Fla e Flu que pedia liberação para jogos da Primeira Liga

Confrontos dos clubes do Rio com Criciúma e Figueirense coincidem com datas da segunda fase do Carioca de 2016

Por O Dia

Rio - A polêmica envolvendo Flamengo, Fluminense e a Ferj ganhou mais um capítulo. Nesta terça-feira, a Futebol do Estado do Rio de Janeiro (Ferj) vetou os ofícios dos dois clubes solicitando a participação na Primeira Liga. O Rubro-Negro enfrenta o Figueirense no dia 9 e o Tricolor encara o Criciúma no dia 10. Como a Ferj marcou a primeira rodada da segunda fase do Carioca para os dias 9, 12 e 13, a participação dos clubes do Rio na Primeira Liga acabou vetada.

A polêmica envolvendo Flamengo, Fluminense e a Ferj se iniciou no ano passado por conta dos preços dos ingressos dos jogos do Carioca no Estadual de 2015. Neste ano, a dupla Fla-Flu se uniou a clube de Minas Gerais e do Sul do Brasil para criar a Primeira Liga. Após um veto inicial, a Primeira Liga afirmou que liberaria os jogos em caráter amistoso. Flamengo e Fluminense participaram das duas primeiras rodadas da competição sem nenhum conflito com os jogos do Carioca.

Para vetar os próximos confrontos de Fluminense e Flamengo para a Primeira Liga, a Ferj se baseia no Estatuto do Torcedor, que exige um intervalo de 72 horas entre os jogos, além do não reconhecimento da Primeira Liga como competição oficial. O Rubro-Negro já está garantido na segunda fase do Carioca, já o Tricolor ainda busca a classificação

Fluminense mandou ofício para FerjReprodução Internet
Flamengo enfrenta o Figueirense pela Primeira LigaReprodução Internet
Ferj negou pedidos de Fla e FluReprodução Internet