Por renata.amaral

Chile - Na preparação para defender a seleção argentina na Copa América, Lionel Messi falou sobre a sua relação com o Barcelona ao 'Short List'. No clube desde o início da carreira, o jogador afirmou que permanecerá no clube e negou a rivalidade com o atual melhor jogador do mundo, Cristiano Ronaldo.

LEIA MAIS: Confira notícias e resultados da Copa América

"Não há rivalidade, é algo que os jornais inventaram. Não é Messi contra Ronaldo, nunca foi. E sobre o Barça, digo: O Barcelona me deu tudo, eles me deram uma chance quando ninguém mais o faria. Eu nunca tive o desejo de jogar em outro lugar e eu vou estar aqui o tempo que eles me quiserem", afirmou Messi, que exaltou a equipe do Barcelona, que venceu o Campeonato Espanhol, a Copa do Rei e a Liga dos Campeões nesta temporada.

Messi negou rivalidade com Cristiano RonaldoEfe

"Os jogadores do Barcelona estão perto e sempre me cumprimentam se tenho uma boa atuação, mas não poderia jogar assim se o time não tivesse jogadores tão excepcionais ao lado. Sempre quero fazer gols, mas marcar não é tudo. Veja o Suárez, que no início da temporada não fez muitos gols, mas trabalhou duro. Agora os gols estão saindo. Na medida que jogo bem para a equipe, assim chegam os resultados. Isso é o que importa", concluiu.

Messi e a seleção argentina estreiam na Copa América contra o Paraguai, pelo Grupo B, no próximo sábado, às 18h30, no La Serena.

Você pode gostar