'O Brasil é perigoso mesmo sem Neymar', diz zagueiro do Paraguai

Paulo Da Silva vê a Seleção 'extremamente perigosa'

Por O Dia

Chile - O Brasil não terá o seu principal jogador e mesmo assim impõe respeito. Zagueiro do Paraguai, adversário da Seleção nas quartas de final da Copa América, neste sábado, Paulo Da Silva elogia o time brasileiro e não se empolga com a ausência de Neymar - suspenso após confusão no duelo com a Colômbia.

Paulo Da Silva prega respeito ao BrasilEfe

"Neymar é um jogador muito importante para o Brasil. Ele mostrou no Barcelona, na última temporada, o grande jogador que é, vencendo a Tríplice Coroa. Mas o Brasil segue extremamente perigoso mesmo sem Neymar", declarou Da Silva.

LEIA MAIS: Confira notícias e resultados da Copa América

O zagueiro do Paraguai "ignora" a irregularidade do Brasil na Copa América e alerta para um ponto forte da Seleção.

"Eles tiveram momentos que não jogaram tão bem, mas em torneios curtos são os resultados que contam. Eles têm bons momentos na bola parada e são muito perigosos", analisou.

O Paraguai avançou às quartas de final com a segunda colocação no Grupo B, com uma vitória (sobre a Jamaica) e dois empates (com Argentina e Uruguai).

Últimas de _legado_Copa América