Por edsel.britto

Chile - A Conmebol reduziu nesta segunda-feira de três para dois jogos a suspensão do chileno Gonzalo Jara, após as federação do país-sede da Copa América apresentar recurso, o que a entidade que organiza o torneio havia apontado como impossível de acontecer no primeiro momento.

O zagueiro foi protagonista de um dos lances mais polêmicos da competição, ao dar uma "dedada" no uruguaio Edinson Cavani. O adversário revidou, com um "chega para lá", recebeu segundo cartão amarelo e acabou expulso pelo brasileiro Sandro Meira Ricci.

Opa! 'Dedo bobo' de Jara em Cavani causou polêmica em campo e fora deleReprodução TV

Inicialmente, Jara pegou três jogos de suspensão, o que o tirou da Copa América e de um compromisso do Chile nas Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2018. Ao divulgar a punição inicial do defensor, a Conmebol indicou que não existia a possibilidade de recurso, o que não se confirmou. Além da redução da suspensão, também caiu a multa do jogador, de US$ 7,5 mil para US$ 5 mil.

Você pode gostar