Bem-humorado, Felipão provoca rivais e se diz 'cada dia mais convicto' do hexa

Técnico da seleção brasileira marcou presença no evento 'Movimento por um futebol melhor', em São Paulo

Por O Dia

São Paulo - Luiz Felipe Scolari é reconhecido pelo seu mau-humor nas coletivas de imprensa. No entanto, na noite desta terça-feira, durante o evento "Movimento por um futebol melhor", o técnico da seleção brasileira estava com sorriso estampado no rosto e com respostas bem-humoradas. Nesse ambiente descontraído, Felipão afirmou ter convicção que o Brasil conquistará o hexacampeonato da Copa do Mundo.

"Estou cada dia mais convicto (de que o Brasil será campeão). Como eu poderia passar para todo um país e uma população de que não acredito na minha Seleção, que não vejo os meus jogadores em condições. Sei que devemos respeitar os outros times, mas no geral somos melhores", afirmou

Felipão acredita que o Brasil será campeão da Copa do MundoCarlos Moraes / Agência O Dia

O treinador explicou os motivos para acreditar no título e aproveitou para provocar os adversários.

"Tem time que ganhou só uma Copa e já está achando que é maior. Imagina nós, que conquistamos cinco (Copas)", disse.

Scolari também não concordou que a pressão sobre a Seleção é maior por atuar em casa. Para ele, o sentimento é justamente o contrário, pois o Brasil irá jogar ao lado da torcida, sendo este um dos fatores determinantes para confirmar o favoritismo da sua equipe.

"Temos grandes jogadores, uma equipe organizada e o povo. Temos o 12º jogador. Sempre seremos 12 em campo e assim seremos melhores. Quantos técnicos tiveram a oportunidade de jogar uma Copa em casa? Poucos, e agora eu sou um deles. É uma alegria", resumiu Felipão, que ainda brincou com a possibilidade da seleção brasileira não ganhar o Mundial:

"Qual foi o último técnico do Brasil campeão do mundo? Eu. Se perdermos, continuarei sendo eu", completou, fazendo a platéia cair na gargalhada.

Últimas de _legado_Copa do Mundo