Por bernardo.argento

Rio – Presente no lançamento da primeira escolinha de futebol do Paris Saint-Germain no Rio de Janeiro, na última segunda-feira, em Botafogo, o diretor adjunto de atividades comerciais do clube francês, Frédéric Longuépée comemorou o fato de muitos jogadores do time serem convocados para as seleções de seus respectivos países para a disputa da Copa do Mundo.

“Isso é ótimo para a promoção do PSG no mundo inteiro. É bom termos três jogadores brasileiros na Seleção porque espero que o Brasil esteja na final deste evento fantástico que o país vai sediar. Os outros times estão preocupados em enfrentar o Brasil, que tem nossos jogadores. Isso promove o PSG”, disse o dirigente.

Os três atletas brasileiros citados por Longuépée são os zagueiros Thiago Silva e David Luiz (recém-contratado junto ao Chelsea) e o lateral-esquerdo Maxwell. O técnico do Brasil, Luiz Felipe Scolari, também incluiu o meia Lucas na lista de suplentes. Há ainda o volante Thiago Motta, brasileiro naturalizado italiano, que vai disputar o Mundial pela Squadra Azzurra. O PSG também terá representantes na própria seleção francesa, na Argentina e no Uruguai.

Frédéric Longuépée espera decisão da Copa do Mundo entre Brasil e FrançaRafael Arantes / Agência O Dia

Quanto a um possível encontro entre Brasil e França durante a Copa do Mundo, o dirigente do PSG espera que seja na decisão da competição. Nos dois últimos confrontos entre as duas Seleções em Mundiais, os franceses se deram melhor. Com grandes atuações de Zidane, os Blues golearam o time canarinho na final do torneio de 1998, em Paris. E nas quartas de final de 2006, em Frankfurt, venceram por 1 a 0. 

“É sempre difícil precisar o que a França pode fazer na Copa do Mundo. Nós nunca sabemos o que vai acontecer. Mas espero que vá longe e que faça a final contra o Brasil. Eu espero que a França ganhe, assim como você espera que o Brasil ganhe”, analisou.

Longuépée ainda comentou sobre a ausência do maior astro do PSG, Zlatan Ibrahimovic, no Mundial. A Suécia foi eliminada por Portugal no play-off de acesso para a competição. Mas o dirigente francês deu a entender que o craque pode visitar o Brasil durante o torneio.

“É uma pena o Ibrahimovic não estar na Copa do Mundo, mas você pode ter uma surpresa. Ele pode estar vindo ao Brasil nos próximos dias. Nunca de sabe”, concluiu.

Você pode gostar