Por pedro.logato

São Paulo - O jogo de Portugal contra a Alemanha pela Copa do Mundo, em Salvador, foi realizado em condições que são normalmente consideradas muito quentes para se ir à praia, disse o técnico português Paulo Bento, nesta quarta-feira.

Paulo Bento não quer desculpas diante de GanaEfe

O comandante luso revelou que sua os seus jogadores receberam conselhos de evitarem ir à praia durante o meio do dia, mas mesmo assim tiveram que jogar seu jogo na capital baiana às 13h. "Quando chegamos em Salvador, eles nos disseram para não ir à praia às 13h por causa dos raios solares", comentou.

LEIA MAIS: Notícias e bastidores da Copa do Mundo

"Se não é bom para você ir à praia, como pode ser bom para você jogar futebol nessa hora do dia? Não estou dizendo que jogar nessas condições é ruim para Portugal, estou dizendo que é ruim para todas as seleções. Após a Copa do Mundo, acho que a Fifa deve se reunir com os departamentos médicos das seleções e encontrar as melhores soluções para os jogadores", completou Paulo Bento.

VEJA MAIS: Confira a tabela e a classificação da Copa do Mundo

Portugal perdeu de 4 a 0 da Alemanha no jogo de abertura de do grupo G. Eles também empataram em 2 a 2 com os Estados Unidos, em Manaus. Portugal enfrentará Gana em Brasília em seu último jogo na chave, na quinta-feira.

O sindicato dos jogadores, o FIFPro, repetidamente reclamou do calor em regiões tropicais do Brasil, onde muitas partidas foram disputadas. "O calor e a umidade no norte do Brasil está sendo um considerável desafio para os jogadores que, como eles mesmo atestam, estão claramente sofrendo com essas condições", disse a entidade na semana passada.

"Mesmo quando questionada com provas e fortes pontos de vista apresentado pelos jogadores, a FIFPro vê relutância na Fifa em se adaptar", finalizou.

Você pode gostar