Por pedro.logato

Minas Gerais - Antes da Copa do Mundo, o treinador Luiz Felipe Scolari a havia dito que não gostaria de enfrentar o Chile. A torcida de Felipão não deu certo e a 'La Roja' foi a adversária da Seleção oitavas de final. Neste sábado, o Brasil encarou o rival temido pelo técnico e sofreu bastante para avançar para as quartas de final. A classificação brasileira só veio nos pênaltis, provando que o comandante estava certo. Na coletiva, o comandante falou sobre a Neymar. O atacante deixou a partida com um edema na coxa. Felipão ainda fez críticas ao árbitro do inglês Howard Webb. Os brasileiros reclamam de um pênalti não assinalado em Hulk e do gol anulado do jogador, que, segundo o juiz, teria dominado a bola com a mão.

Agora, os brasileiros enfrentam a Colômbia às 17h da próxima sexta-feira no Castelão. O duelo vale uma vaga na semifinal.

Felipão comemorou vitória do Brasil nos pênaltisReuters

VEJA MAIS: Confira a tabela e a classificação da Copa do Mundo

Elogios ao Chile

É um time organizado, que tem bom sistema tático, bons jogadores. Acho que foi um jogo muito equilibrado, na posse de bola, nos chutes a gol. Tão equilibrado que foi aos pênaltis. Valoriza o nosso comportamento e o resultado na busca pela classificação.

LEIA MAIS: Notícias e bastidores da Copa do Mundo

Coxa de Neymar

Não consigo entender. As pessoas dizem que o Neymar cai o tempo todo. Mas ele tem de ser valorizado hoje por ter atuado a maior parte do jogo com um problema grande na coxa, de uma pancada forte que ele levou logo no início da partida. Provavelmente vai ter um inchaço grande nos próximos dias e pode ser um problema para o próximo jogo.

FOTOGALERIA: Brasil vence o Chile nos pênaltis e vai para as quartas

Tratamento com estrangeiros

Estamos sendo muito cavalheiros, muito educados com os estrangeiros. Está na hora de mudar um pouco o nosso discurso. Não devemos ser apedrejados por técnicos, jogadores e imprensa estrangeira. Está na hora de eu voltar um pouco ao meu estilo: ser agressivo. Não estou conseguindo aguentar mais.

Arbitragem

Estamos um pouco apreensivos com o que está acontecendo. Tudo que acontece é a seleção brasileira. Estamos vendo que os árbitros estão meio reticentes com o Brasil. Se vamos ser campeões, não sei. Se não querem, tudo bem. Mas a arbitragem tem de ser igual para todo mundo

?

Você pode gostar