Por bernardo.argento

Minas Gerais - Um formigueiro verde e amarelo já coloria o Mineirão quatro horas antes da decisão das oitavas de final entre Brasil e Chile. Brasileiros de Norte ao Sul do país comungavam a sua paixão pelo futebol com irreverência e a alegria de quem já conquistou por cinco vezes o Mundial.

Torcida faz a festa na chegada no MineirãoMárcia Vieira

Que o diga o analista de sistema Clay Moares, 32 anos. Ele chegou ontem de Salvador, com um grupo de amigos, sem desgrudar da taça sagrada.

"Hoje vai ser 2 a 0, gols de Fred e Neymar. Vai ser uma tarde de Don Fredon, ele está em casa e vai arrebentar", apostou para depois repetir o mesmo gesto do capitão Carlos Alberto Torres na Copa de 70.

Para provar que o Brasil tem mesmo a força até mesmo Dart Vader, de Guerra nas Estrelas, fez questão de aparecer para dar a sua benção.

"Vai ser 2 a 1, o Brasil está com a força. O Chile é um time muito bacana, mas vamos passar sem tanto suor como eu", afirmou o mineiro de Caratinga, Roberto Ferreira, que usava uma roupa preta que pesava aproximadamente 10 quilos.

Darth Vader apareceu antes do jogo entre Brasil x ChileMarcia Vieria

A barulhenta torcida do Chile também deu o ar da graça, aos gritos insistentes de Chi- Chi- Chi,,Le-Le,Le e tiveram como resposta um caixão com as cores da pátria.

"O Chile vai sair daqui mortinho com farofa e enterrado. Sua hora chegou,Chile, vocês já brincaram na Copa do Mundo. Aqui é Brasil, vamos mostrar quem manda", provocou Fábio Henrique, que veio e Americana, São Paulo.

O torcedor fez questão de lembrar o último jogo da Copa de 2010, quando a seleção despachou os chilenos por 3 a 0

"Freguês bom é freguês fiel, leal, vai ser 3 a 0'", garantiu

Você pode gostar