Van Gaal admite que usou pausa da hidratação para mexer taticamente na Holanda

Treinador holandês falou que plano B lançado enquanto partida estava parada para jogadores se refrescarem foi o que salvou sua seleção da eliminação da Copa diante do México

Por O Dia

Ceará - A pausa para hidratação dos jogadores foi a principal aliada da Holanda na vitória por 2 a 1 de virada contra o México nas oitavas de final da Copa do Mundo 2014. Quem disse foi o técnico Louis van Gaal, que admitiu ter lançado mão de um plano B enquanto seus atletas se refrescavam no segundo tempo da partida em Fortaleza.

Van Gaal comemorou a classificaçãoReuters

“Nós tivemos um pouco de sorte com a pausa para hidratação, assim eu pude mudar as táticas e usar um plano B. Foi uma vantagem. Realmente escapamos por pouco”, admitiu Van Gaal.

LEIA MAIS: Notícias e bastidores da Copa do Mundo

O duelo desde domingo foi interrompido durante três minutos aos 31 do segundo tempo. No momento, os mexicanos venciam por 1 a 0. Van Gaal, então, tratou de organizar o que era um ataque desesperado dos holandeses. A estratégia deu certo e a virada aconteceu com gols de Sneijder aos 42 minutos e Huntelaar, de pênalti, aos 47 da etapa final.

VEJA MAIS: Confira a tabela e a classificação da Copa do Mundo

Classificada, a Holanda terá pela frente a Costa Rica nas quartas de final da Copa. Perguntado se considera seu time favorito, o treinador desconversou e aproveitou para mais uma vez alfinetar a imprensa de seu país.

“Posso dizer pra você que a mídia holandesa achava que a gente nem ia passar da primeira fase, então não sei como a gente virou favorito. Os jogadores são bem modestos e vão continuiar no caminho que a gente está. Temos um espírito de equipe excelente e tanto Grécia como Costa Rica também são países difíceis de derrotar, senão não estariam nas oitavas de final”, disse Van Gaal.

Últimas de _legado_Copa do Mundo