Pedro descarta título como obrigação da Espanha

Atacante afirmou que equipe deseja a conquista, mas que fato não deve ser visto como dever. Final contra o Brasil é esperada

Por O Dia

Rio - Citada como a grande favorita para conquistar o título da Copa das Confederações, a Espanha segue com o dilema da 'obrigação'. Em entrevista coletiva concedida nesta terça-feira, o atacante Pedro foi um dos que comentou o fato. De acordo com o atleta, o título do torneio não deve ser visto como um dever da seleção espanhola, mas não falta desejo de conseguir o feito, ainda mais numa possível final contra o Brasil.

"Não é uma obrigação, mas a verdade é que temos muita gana de conseguir, é um título que não temos. E por que não uma final entre Brasil e Espanha, eu acho que seria muito bonita para todos, em um estádio mítico como o Maracanã. Temos que ir passo a passo, mostrar nosso futebol e tentar chegar à final para buscar esse título", disse Pedro.

Pedro descarta título como obrigaçãoEfe

Ao falar sobre o famoso estilo de jogo espanhol, o atacante elogiou os companheiros do meio de campo. Segundo pedro, a criação de jogo da equipe é caracterizada pela categoria dos jogadores responsáveis, principalmente o quarteto formado por Xavi, Iniesta, Mata e Cazorla.

"Acho que é um estilo, uma filosofia de jogo. Temos muita tranquilidade e jogadores criativos, como Xavi, Andrés (Iniesta), Juan (Mata) e Santi Cazorla. São jogadores com muita mobilidade e através disso pdoemos criar ocasiões de gol. Acho que esse é o mistério, temos jogadores muito bons no meio-campo, com muita criatividade e mobilidade", disse o atacante do Barcelona, que fez o primeiro gol da vitória sobre o Uruguai na estreia.

Últimas de _legado_Copa das Confederações