Viagens preocupam Flamengo na disputa do Brasileiro

Marcelo Moreno pede definição de estádio para rendimento do time subir

Por O Dia

Rio - A cinco dias de enfrentar o Coritiba pela sexta rodada do Campeonato Brasileiro, o Flamengo ainda vive a incerteza sobre onde vai mandar seus jogos no restante da temporada. Após rodar por cinco cidades diferentes nas cinco primeiras rodadas da competição, os jogadores se dizem preocupados e afirmam que as constantes viagens podem atrapalhar o desempenho do time.

Marcelo Moreno não aprova viagens do FlamengoAlessandro Costa / Agência O Dia

“Todo torcedor quer ver o Flamengo jogar no Brasil inteiro, mas seria bom jogar em casa, no Rio, para descansar mais e ter um rendimento melhor. O ideal seria ter um campo onde a gente pudesse estar jogando sempre, para que o torcedor possa ver a gente jogar bem”, queixou-se o atacante Marcelo Moreno.

Incomodado com a indefinição da nova casa rubro-negra, o boliviano torce para que o problema não afete o bem-estar do grupo. “A gente fica longe dos familiares, de quem trabalha com a gente. Tomara que isso não vire uma coisa ruim. Pode atrapalhar, mas pode ser bom também”, concluiu o camisa 19.

MARTINEZ ADIA ACERTO

Esperado no sábado no Rio de Janeiro para assinar com o Flamengo, o lateral-direito argentino Adrian Martinez não apareceu. Após quase dois meses de negociação, o acerto foi mais uma vez adiado e irritou parte da cúpula rubro-negra, que já pensa em desistir do empréstimo do atleta do San Lorenzo.