Por elisa.souza


Rio - Autor do primeiro dos dois gols que selaram a conquista do tricampeonato da Copa do Brasil, Elias preferiu não garantir ainda a sua permanência no Flamengo em 2014. Interessado em ficar no clube e disputar a Libertadores, o volante condicionou sua renovação de contrato com o Rubro-Negro à vontade do Sporting e da empresa que detém 50 % de seus direitos econômicos.

“Não afirmo (que vá ficar) pois tenho um contrato assinado. Tenho pré-contrato com o Flamengo, mas, como falam, não depende só de mim. Tem o Sporting e um grupo de investidores que tem 50% dos meus direitos. A minha parte já está resolvida. As conversas estão avançadas e logo teremos uma solução positiva para o Flamengo”, garantiu Elias.

Elias confirma desejo de permanecer no Fla e diz que não tem outras propostasCarlos Moraes / Agência O Dia

Sincero, ele disse que o seu carinho pelo Corinthians não vai pesar caso tenha que escolher. O camisa 8, porém, revelou que, até o momento, não recebeu nenhuma proposta de outro clube — houve especulações sobre o interesse de Corinthians e Internacional.

“Tenho carinho pelo Corinthians e ponto. Não pesa. Isso não vai influenciar em nada a minha decisão sobre o futuro. Vou ser bem sincero: só tive proposta do Flamengo. Não tive nenhum outro clube, a não ser sondagem que escuto da imprensa, até porque já tenho pré-contrato aqui”, explicou.

Euforia dos mais jovens

Confiante que vá defender o Flamengo na Libertadores do ano que vem, Elias disse que nesse pouco tempo após o título da Copa do Brasil já tentou conter a euforia dos atletas mais novos por jogar a competição continental.

“Os mais novos sonham, perguntam como é, mas é normal, coisa de vestiário. Eu digo que tem que se preparar bem, porque o bicho pega”, destacou o volante, que, em 2010, disputou a Libertadores pelo Corinthians.

Naquele ano, a equipe paulista foi eliminada da competição jogando no Pacaembu, nas oitavas de final, justamente pelo Flamengo, que à época contava com Vagner Love e Adriano no ataque.

Elenco se reapresenta e Jayme vai de 'mistão'

Na última sexta-feira, dois dias após a conquista do tri da Copa do Brasil, os jogadores do Flamengo se reapresentaram, no Ninho do Urubu. E o clima de ressaca após as comemorações pelo título foi a tônica do treino.

Enquanto o técnico Jayme de Almeida comandava atividade no gramado com os reservas, os titulares não apareceram em campo. Para o duelo com o Vitória, amanhã, no Barradão, o treinador confirmou que vai escalar um time misto, sem Léo Moura, André Santos, Paulinho, Samir e Felipe.

Amaral, Wallace e Hernane, que ainda briga pela artilharia do Brasileiro, estão confirmados. O volante Elias, suspenso pelo terceiro amarelo, não joga. Mas ele ressaltou a importância de o time levar o jogo a sério. “Vamos jogar pela honra e pelo nome do Flamengo”, resumiu.

Você pode gostar