Por fabio.klotz

Rio - Carlos Eduardo ainda não conseguiu conquistar a torcida do Flamengo. O meia convive com vaias há um ano. A pressão por ser titular e a cobrança dos torcedores não atrapalham, garante o atleta. A experiência em defender o Rubro-Negro deixa Carlos Eduardo mais "cascudo".

Carlos Eduardo ainda não se firmou com a camisa do FlamengoCarlos Moraes / Agência O Dia

"Mais de um ano de vaias faz você ficar mais esperto e cascudo. Hoje posso dizer que posso jogar em qualquer clube do mundo. Aqui tem muita pressão, nunca tinha passado por isso. Vou levar esta experiência para a minha vida. Sabemos que é o mundo do futebol difícil demais. Escolhemos o futebol e precisamos saber lidar com isso. Tive a cabeça de trabalhar fortemente no ano passado e continuo focado no trabalho. As pessoas dizem que ainda acreditam em mim e isso me dá bastante força", diz o meia.

Emprestado pelo Rubin Kazan até a metade da temporada, Carlos Eduardo pretende continuar no Flamengo por mais tempo.

"Vou fazer de tudo para ficar no Flamengo. Tenho mais seis meses de contrato aqui e praticamente mais quatro anos na Rússia. Mas, se sair, vou tranquilo. Vou dizer para os meus filhos e netos que tive a oportunidade de jogar pelo Flamengo", declarou.

Você pode gostar