Hernane ou Alecsandro? Jayme vive dilema no ataque do Flamengo

Brocador está recuperado, mas vê Alecgol se destacar

Por O Dia

Rio - Jayme de Almeida precisa resolver um problema, mas daqueles que todo treinador gosta de ter. Hernane, artilheiro do Brasil no ano passado com 36 gols, está recuperado da amigdalite e apto para enfrentar o Emelec, em jogo do Grupo 7 da Libertadores, quarta-feira, no Maracanã. Pela ordem natural, o Brocador voltaria ao time na vaga de Alecsandro, que o substituiu contra o Resende. Mas o camisa 19 fez dois gols no último jogo e assumiu a artilharia do Campeonato Carioca. E agora, Jayme?

Jayme de Almeida destaca concorrênciaAlexandre Brum / Agência O Dia

Hernane foi vetado da partida na sexta-feira, com uma inflamação na garganta. O reserva Alecsandro aproveitou a brecha e, com dois gols, chegou a seis na temporada - o Brocador tem quatro, todos num único jogo. Sábado à noite, após a vitória por 3 a 0 do Flamengo sobre o Resende, Jayme ressaltou a importância da concorrência.

“Vejo assim: o Flamengo tem um grupo e isso fortifica cada vez mais e obriga, no bom sentido, a todo mundo trabalhar melhor”, disse o treinador, que deixou no ar uma pista sobre o time que escalará diante da equipe equatoriana: “Não vai ser fácil, mas o time se portou da maneira que gostamos de ver. Não vai mudar muito para quarta-feira.”

Jayme já sabia da recuperação de Hernane. O atacante foi examinado no Ninho do Urubu, sábado de manhã, pelo médico do clube, José Luiz Runco, que liberou o Brocador para a partida de quarta.

“Ele (Hernane) já treinou no sábado, na academia, e vai trabalhar com o grupo na segunda-feira. Ele estava com tosse e uma inflamação na garganta, mas não teve febre e não será problema”, garantiu.