Com contrato perto do fim, Carlos Eduardo já fala em tom de despedida

Vínculo do meia vai até junho e dificilmente deve ser estendido pelo Flamengo

Por O Dia

Rio - Carlos Eduardo é contestado pela torcida do Flamengo desde a temporada passada. Neste ano, o meia perdeu espaço no time com a chegada de Elano, e a evolução de Gabriel. Com o maior salário do elenco (R$550 mil mensais), o jogador já fala em tom de despedida.

Carlos Eduardo deve dar adeus ao FlamengoCarlos Moraes / Agência O Dia

"Difícil (ficar). Infelizmente não rendi o que posso render no Flamengo, mas tive a oportunidade de ser campeão aqui e levarei isso para toda a minha vida", afirmou o jogador à Rádio Globo.

O contrato do meia termina no 30 de junho e dificilmente deve ser estendido. Em 48 partidas com a camisa rubro-negra, Carlos Eduardo balançou a rede apenas uma vez, no duelo contra o Cruzeiro, pela Copa do Brasil. O jogador deve retornar ao Rubin Kazan, da Rússia, para cumprir seu vínculo com o clube, que vai até 2018.