Clima descontraído e animado no último treino antes de enfrentar a Cabofriense

Jogadores superam tensão da Libertadores e focam na partida deste domingo, no Maracanã, quando receberá troféu

Por O Dia

Rio - A derrota de 1 a 0 para o Bolívar, do Equador, em jogo válido pela quarta rodada da Copa Libertadores, complicou as chances do Flamengo se classificar para a fase seguinte do principal torneio sul-americano. Ainda assim, os jogadores rubro-negros mantém a esperança. O clima descontraído no treino deste sábado é uma demonstração clara de que o time não se abateu com o revés. 

Jayme comanda o último treino para a partida contra a Cabofriense%2C pela Taça GuanabaraReprodução

A última atividade antes do confronto contra a Cabofriense, na derradeira rodada da Taça Guanabara, foi animada. No treino recreativo no Ninho do Urubu, dois times foram montados. O time do lateral-esquerdo André Snatos ganhou da equipe que vestia colete laranja. Os vencedores saíram de campo brincando com os derrotados. 

Hernane participou do treino, mas não será escalado para o jogo deste domingo. Alecsandro vai ocupar seu lugar. Os dois, inclusive, jogaram no mesmo time na atividade deste sábado. 

Cáceres assistiu ao treinamento ao lado dos jogadores das categorias de base do clube. O paraguaio continua com o ombro direito imobilizado e ainda não tem previsão de volta ao time. O jogador vinha sendo um dos principais jogadores do Flamengo na Libertadores, com boas atuações e sendo o principal tradutor com os árbitros e atletas sul-americanos. 

Por ter sido a equipe que mais pontuou na Taça Guanabara, o Flamengo foi campeão antecipado do torneio e finalmente vai receber o troféu após o jogo com a Cabofriense. Ainda sem saber quem será o adversário nas semifinais do estadual, o técnico Jayme de Almeida deve poupar os titulares. Apenas Felipe deve jogar. O Flamengo deve ir a campo com Felipe, Digão, Chicão, Erazo e João Paulo; Feijão, Luiz Antonio, Márcio Araújo e Lucas Mugni; Paulinho e Alecsandro.