Léo Moura 'ignora' decisão do STJ: 'O Fla sempre será o campeão de 1987'

Capitão desabafa sobre polêmico título do Brasileirão de 1987

Por O Dia

Rio - A decisão do STJ de declarar o Sport Recife como campeão único do Brasileiro de 1987 repercutiu no Flamengo. Rubro-Negro assumido, o capitão Léo Moura afirmou que apesar do decreto do supremo, a equipe da Gávea vai continuar campeã, ao menos na cabeça dos seus torcedores.

"Como torcedor do clube, eu me sinto campeão de qualquer jeito, mesmo com a decisão da CBF. Independente do que decidirem, quem conhece a história sabe que o Flamengo foi o campeão verdadeiro", afirmou.

Léo Moura vê o Flamengo como campeão brasileiro de 1987Márcio Mercante / Agência O Dia

Entenda o caso

Em 1987, a CBF não pôde organizar o Campeonato Brasileiro. Com isso, foi criada a Copa União realizada pelo Clube dos 13. A competição foi disputada em dois módulos: o verde e o amarelo. O primeiro com os principais clubes brasileiros e o segundo com equipes mais modestas. Ao fim do torneio, o Flamengo foi campeão e teve o Inter como vice no módulo verde, enquanto Sport e Guarani ocuparam as mesma posições, respectivamente, no amarelo.

A CBF então decidiu voltar à organização e decretou que a competição ainda teria um quadrangular entre as quatro equipes para eleger o campeão. Por se sentirem prejudicados, Flamengo e Internacional não aceitaram jogar e o Sport foi declarado na ocasião como o vencedor.