Por pedro.logato

Rio - Maracanã lotado e um novo drama na história recente do Flamengo na Libertadores. Em uma partida muito elétrica, o clube da Gávea deu muitos espaçoes defensivos e acabou sendo derrotado pelo Léon por 3 a 2 e está eliminado da competição sul-americana.

Com o resultado, o time mexicano está classificado como o segundo colocado do grupo 6. Além do León, o Bolívar, que venceu o Emelec, em casa, garantiu a sua vaga nas oitavas de finais da Libertadores.

Flamengo e León fizeram um jogo muito disputado no MaracanãAndré Mourão / Agência O Dia

O JOGO

Precisando vencer, o Flamengo começou melhor e teve a primeiro oportunidade do jogo. De fora da área, Alecsandro arriscou e a bola passou perto da meta de Yarbrough. Aos 12 minutos, o Rubro-Negro teve uma baixa. Elano sentiu dores e deixou a partida para a entrada de Gabriel.

Na primeira chance que teve no jogo, Arizala fez para o León. Após cobrança fechada, o jogador desviou para o fundo das redes do clube carioca. O gol animou o time mexicano que passou a dominar o jogo. Aos 28 minutos, em belo contra-ataque puxado por Peña, Boselli chutou para grande defesa de Felipe.

No seu pior momento na partida, o Flamengo chegou ao empate. Léo Moura cobrou falta, o goleiro Yarbrough saiu mal e André Santos cabeceou para o fundo das redes. Não deu tempo do time carioca comemorar. No lance seguinte, Hernández cruzou e Boselli subiu mais que a zaga do Flamengo para fazer o segundo.

FOTOGALERIA: Fla perde para o Léon no Maracanã e deixa Libertadores

Porém, desta vez, o gol não fez tão mal ao Flamengo, que conseguiu um novo empate, logo depois. Everton cruzou e Alecsandro desviou, a bola ainda tocou em Gonzáles, antes de entrar no gol do time do México.

O segundo tempo começou equilibrado. Aos três minutos, Everton cruzou na medida para Gabriel, que cabeceou para boa defesa de Yarbrough. Logo depois, Paulinho fez boa jogada e arriscou de fora da área assustando o time mexicano.

Bastante afobado, o clube carioca passou a ceder mais espaços e o León foi criou boas chances. Aos 14 minutos, Montes arriscou, Felipe soltou e Boselli cabeceou mal, para nova defesa do goleiro do Flamengo. Nove minutos depois, o arqueiro voltou a salvar o clube da Gávea. Após cruzamento, Hernández bateu forte e Felipe fez grande defesa.

No fim, o Flamengo voltou a tentar no abafa, pressionar. Nixon e Negueba entraram nos lugares de Paulinho e André Santos. Apesar disso, a equipe seguiu desordenada e levou um castigo no fim. Após falha da zaga, Peña completou chute cruzado e deu a vitória para o clube mexicano.

FICHA TÉCNICA
FLAMENGO 2 X 3 LEÓN (MEX)

Local: Maracanã (RJ)
Árbitro: Diego Abal (ARG)
Público/renda: 53.230 pagantes / R$ 3.091.047,50
Cartões amarelos: André Santos, Amaral (FLA); Rafa Márquez, González, Montes, Boselli (LEO)
Cartões vermelhos: -
GOLS: Arizala, aos 21'/1ºT (0-1); André Santos, aos 29'/1ºT (1-1); Boselli, aos 30'/1ºT (1-2); Alecsandro, aos 34'/1ºT (2-2); Peña, aos 37'/2ºT (2-3)

FLAMENGO: Felipe; Léo Moura, Wallace, Samir e André Santos (Negueba, aos 26'/2ºT); Amaral, Muralha, Elano (Gabriel, aos 11'/1ºT); Paulinho (Nixon, aos 37'/2ºT), Everton e Alecsandro. Técnico: Jayme de Almeida

LEÓN: Yarbrough; Vazquez, Rafa Márquez, Magallón e González; Edwin Hernández, Elías Hernández, Montes e Peña (Rocha, aos 38'/2ºT); Arizala (Delgado, aos 37'/2º) e Boselli. Técnico: Gustavo Matosas

Você pode gostar