Por fabio.klotz
Publicado 04/11/2014 14:33 | Atualizado 04/11/2014 16:10
Wallace diz que Flamengo está acostumado a jogar pressionadoCarlos Moraes

Rio - Com a vantagem construída no primeiro jogo da semifinal ao vencer o Atlético-MG por 2 a 0 no Maracanã, o Flamengo pode até perder por um gol no Mineirão nesta quarta-feira que fica com a vaga para a final da Copa do Brasil. Mesmo com o placar favorável, Wallace disse nesta terça-feira que o Rubro-Negro não pode ser acomodar com o resultado.

"Temos de usar a vantagem da melhor maneira possível, mas também precisamos atacar para não passar sufoco e fazer o melhor possível para ficar com a vaga", disse o zagueiro, que foi questionado sobre o que o Fla precisa fazer se classificar para a final: "É só não fazer o que o Corinthians fez lá", afirmou.

LEIA MAIS: Flamengo relaciona Everton e Gabriel para decisão contra o Atlético-MG

Recuperado de lesão após alguns jogos afastados do time, Wallace retornou no duelo com a Chapecoense, deve formar dupla de zaga contra o Galo ao lado de Samir e garantiu que está pronto para ajudar o Fla: "Estou tranquilo. Se Vanderlei precisar, estou pronto. Esse tipo de jogo é mais psicológico do que físico e quem se der melhor nessa área vai ter vantagem. Nesse quesito estamos tranquilo e podemos conseguir nossa classificação", analisou.

LEIA MAIS: Cogitado entre os titulares, Nixon avisa: 'Estou pronto para ajudar'

Ciente de que terá pela frente um Mineirão lotado, Wallace garante que o grupo atual do Flamengo está mais do que acostumado a lidar com pressão.

LEIA MAIS: Notícias, contratações e bastidores: confira o dia a dia do Flamengo

"Nosso time tem o defeito que não sabe ficar na zona de conforto, estar no meio da tabela, sem pressão, ficar no meio-termo. Nosso time lida muito bem com pressão e o Luxemburgo desde do primeiro dia que chegou aqui nos pressionou e foi o que nos fez crescer. Se tivéssemos levado o Brasileiro mais a sério, poderíamos estar brigando por G-4 e não nessa situação. Independentemente de técnica, o time com mais vontade tem a vantagem. Ano passado passamos por pressão e fomos bem. O Vanderlei percebeu isso e nos exigiu ao máximo para melhorarmos. Estamos mais do que preparados para lidar com a pressão de chegar a uma decisão."

Nesta quarta-feira o Flamengo enfrenta o Atlético-MG pelo segundo jogo da semifinal da Copa do Brasil, às 22h, no Mineirão. Após vencer o jogo no Maracanã por 2 a 0, o Rubro-Negro pode perder por até um gol de diferença que fica com a vaga na final da competição.

* Colaborou Edsel Britto

Você pode gostar