Fla promete reforço de peso se chegar à marca de 80 mil sócios-torcedores

Clube tenta alavancar programa e envolver a torcida

Por O Dia

Marcelo Cirino ajuda a divulgar o programa de sócio-torcedor do FlamengoMárcio Mercante

Rio - O discurso para reforçar a importância e tentar alavancar o programa de sócio-torcedor é antigo no Flamengo, mas ganhou um ingrediente a mais, nesta sexta-feira, na Gávea. Na apresentação do atacante Marcelo Cirino, tratado como contratação de peso, o presidente Eduardo Bandeira de Mello fez uma promessa.

LEIA MAIS: Marcelo confiante em brilhar pelo Fla: 'Espero me tornar um ídolo'

"Gostaria de prometer a vocês que, se atingirmos 80 mil sócios até a metade de 2015, vamos fazer outra operação do porte dessa que trouxe o Marcelo Cirino", disse Bandeira de Mello.

LEIA MAIS: Notícias, contratações e bastidores: confira o dia a dia do Fla

Atualmente, o Flamengo tem um pouco mais de 52 mil sócios-torcedores. O dinheiro arrecadado é destinado ao futebol. De 2013 para cá, os principais reforços e a diretoria sempre afinaram o discurso no sentido de destacar a importância do programa. Sobre a promessa do reforço, Bandeira fez mistério.

"Não tem nome ainda. Vai ser quem o Luxemburgo pedir e que possamos trazer", disse Bandeira.

Para contratar Marcelo, o Flamengo fez uma parceria com a Doyen Sports, que pagou cerca de R$ 16 milhões por 50% dos direitos econômicos do atacante. O Fla vai quitar este valor em três anos.