Por victor.abreu
Montillo aguarda e torce por liberação do Shandong para defender o FlamengoAle Frata / Parceiros / Agência O Dia

Rio - A diretoria do Flamengo não desistiu de Walter Montillo. Mesmo com a negativa dos chineses, o vice-presidente de futebol, Alexandre Wrobel, ainda busca outros meios de trazer o argentino para Gávea.

LEIA MAIS: Luxemburgo valoriza vitória no clássico e destaca evolução do Flamengo

"Ainda estamos tentando algum tipo de negociação mas, a princípio, o clube Chinês não tem interesse em se desfazer do jogador", disse Wrobel, em entrevista à rádio Tupi.

Depois das recusas de Darío Conca e Jadson, o Flamengo espera que Montillo assuma o posto de camisa 10 do time. Insatisfeito com alguns termos não cumpridos em seu contrato, o argentino já manisfestou o seu desejo em atuar no Rubro-Negro na próxima temporada.

"Eu não gosto de criar certos tipos de expectativas. Estamos trabalhando de forma muito coerente, correta, em silêncio, tentando trazer os jogadores que nos interessam. Tivemos êxito com alguns, com outros não, o que é normal no mercado. Existe sim um interesse no Montillo, que é um jogador excepcional e estamos buscando um camisa 10 e esse é um dos jogadores que efetivamente nos interessam. Mas como eu disse, temos que respeitar a vontade do clube. Teria um prazer enorme de anunciar o nome dele à Nação, mas, por enquanto, não temos essa posição", concluiu o vice de futebol do Flamengo.

O Flamengo está tentando marcar um encontro com o presidente do Shandong Luneng, Liu Yu, que está no Brasil. Caso ocorra esta reunião, o time da Gávea terá que convencer os chineses a liberar o jogador. Um fator que pesa à favor do Fla é o acerto de Diego Tardelli já que, agora, o Shandong está com o limite de jogadores estrangeiros excedido. O clube já conta com os brasileiros Júnior Urso, Vágner Love e Aloísio. Além do australiano Ryan McGowan. Ao todo, são seis gringos na equipe.

Você pode gostar