Artilheiro e goleiro, Alecsandro vibra com dia diferente: 'Deu tudo certo'

Jogador substituiu Paulo Victor, que deixou o campo com sangramento, quando o Fla já tinha feitos três substituições

Por O Dia

Rio - Alecsandro viveu um dia diferente neste sábado. De volta ao Rubro-Negro, o artilheiro deixou o dele, mas devido a uma lesão de Paulo Victor, quando o Flamengo já havia feito as suas três substituições, obrigou ao atacante a ocupar a função de goleiro. Pouco testado, o jogador acabou não levando nenhum gol e comemorou o fato ao fim do jogo.

Alecsandro teve uma noite especial%3A fez gol e se arriscou como goleiroDivulgação

LEIA MAIS: Notícias, resultados e bastidores do Campeonato Carioca

"No começo estava tenso, não tem como ficar tranquilo. Mas deu tudo certo. Foi a primeira vez. A camisa do César e a luva do Paulo Victor me deram tranquilidade. Naquele lance final, o zagueiro do Macaé me complicou, achei falta, mas o juiz não deu. Ser goleiro é muito difícil", afirmou.

LEIA MAIS: Notícias, contratações e bastidores: confira o dia a dia do Flamengo

Enquanto esteve atuando como atacante, Alecgol também se saiu bem e balançou as redes. Apesar do empate, o jogador comemorou a estreia em 2015 com "bola na rede". "Fiquei feliz por voltar fazendo gol, ainda mais fazendo de cabeça, como eu prometi para o meu filho, depois de tudo que aconteceu comigo ano passado"