Anderson Pico terá de operar o joelho direito e vira problema para o Flamengo

Tempo de recuperação costuma ser de três a quatro semanas

Por O Dia

Rio - Anderson Pico terá de ser submetido a uma cirurgia. Ele sofreu uma lesão no menisco do joelho direito, na vitória por 5 a 1 sobre a Cabofriense, nesta quarta-feira, no Maracanã. Segundo o médico Márcio Tannure, o tempo de recuperação desse tipo de procedimento costuma ser de três a quatro semanas. O jogador deve ser operado no sábado de Carnaval.

Anderson Pico sentiu o problema no jogo contra a Cabofriense Ernesto Carriço

"Está dolorido um pouco. Pisei num buraco, fez uma "entorsezinha". Vou conversar com o doutor e ver o melhor a fazer. É recuperar para poder jogar quinta-feira que vem (contra o Boavista)", disse o lateral-esquerdo, logo após a partida, antes de saber da necessidade de intervenção.

LEIA MAIS: Notícias, contratações e bastidores: confira o dia a dia do Flamengo

Aos 35 do primeiro tempo, Anderson Pico arrancou do campo de defesa até a linha de fundo. Depois de tentar fazer o cruzamento, ele ficou caído fora de campo, junto à placa de publicidade e não voltou mais. O médico Marcelo Soares já havia diagnosticado uma entorse. Nesta quinta-feira, o camisa 6 foi examinado, e o departamento médico do clube decidiu pela cirurgia.

VEJA MAIS: Confira a tabela e classificação do Campeonato Carioca

No jogo, Vanderlei Luxemburgo optou por colocar o volante Luiz Antonio na lateral direita e deslocar Pará para a esquerda. Porém, para o próximo jogo, quinta-feira, contra o Boavista, a tendência é que Thallyson, que ficou fora do banco de reservas na última rodada, seja o substituto de Anderson Pico.